Ouça a rádio

Compartilhe

Pacientes aguardam quase 24h para serem atendidos na UPA Odilon Behrens, em BH

Unidade está lotada e com os atendimentos atrasados

Nailda Alves aguarda o seu filho ser atendido desde a manhã de ontem (6)

Pacientes da UPA Odilon Behrens denunciam o longo tempo de espera para serem atendidos nesta terça-feira (7) na unidade, que fica no bairro São Cristóvão, na Região Noroeste de Belo Horizonte. Como a Itatiaia vem acompanhando, muitas pessoas aguardam no local desde a manhã de ontem (6).

Nailda Alves, de 44 anos, contou à reportagem que está na UPA desde às 11h dessa segunda (6) para acompanhar o filho, de 19, que está com febre altíssima e ainda não foi atendido.

“Não deram previsão. Até agora, nada. Meu filho passou da triagem, [o médico] falou o que ele tinha e mais nada. Febre de 40ºC, não abaixa e eles não chamam. Não saem aqui fora para ver se abaixou a febre”, disse.

Conforme Nailda, diversos pacientes, incluindo idosos, estão sentindo muitas dores, mas não são atendidos com agilidade.

“A gente passou a noite aqui no banco com febre e tudo. Não deram nenhuma satisfação. Tem um moço que chegou 4h da manhã e está gemendo de dor”, complementou.

Em contato com outros usuários do serviço pacientes, um médico teria faltado e, por isso, os atendimentos estão atrasados, além da unidade estar completamente lotada.

A Itatiaia aguarda um posicionamento da Secretaria Municipal de Saúde.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido