Ouça a rádio

Compartilhe

Arraial de BH será 'inesquecível para a cidade' e 'maior' da história, afirma presidente da Belotur

Em entrevista à Itatiaia, o presidente da Belotur explicou que o evento inicia na segunda quinzena de julho e pode durar até agosto

O Arraial de Belo Horizonte deste ano será o maior da história. A festa, que não acontece desde 2020 devido à pandemia de Covid-19, será realizada entre julho e agosto. A informação é do presidente da Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur), Gilberto Castro, em entrevista à Itatiaia nesta terça-feira (24). 

Neste ano, o Arraial de BH completa 42 anos, sendo esta a 43ª edição. A celebração conta com mais de 40 quadrilhas espalhadas pela cidade. “Será uma surpresa muito legal. Ainda é cedo pra falar porque a gente só fala quando tá com tudo assinado, sabe? Mas, eu posso dizer que a gente está preparando uma grande festa para Belo Horizonte”, disse Castro. 

O presidente da Belotur prometeu ainda que a festa será “inesquecível para a cidade” e que ela será bem maior. “Será uma festa com um fim de semana a mais e a nossa expectativa é a melhor possível”, contou. 

Além da quadrilha e música boa, Castro lembrou que a gastronomia mineira também é um atrativo. “A nossa gastronomia mineira espelhada nas comidas juninas é um pilar importante”, acrescentou. 

A Organização da Sociedade Civil (OSC) utilizará aporte repassado pelo município de R$ 2 milhões para a realização do evento, o que inclui o Concurso Municipal de Quadrilhas, shows, Vila Gastronômica e demais atividades do festejo. 

Celebração 

No ano passado, para tentar suprir o evento, um concurso de figurinos juninos foi realizado. Para o presidente da Belotur, a adesão ao concurso mostra o quanto os mineiros gostam do evento. À época, foram registrados mais de 1,6 milhão de votos. 

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido