Ouça a rádio

Compartilhe

Advogada esfaqueada pelo ex em BH recebe alta do hospital

Vítima foi atacada pelo ex-companheiro, que afirmou ter sido traído; ela foi atingida mais de dez vezes

A advogada de 40 anos que foi esfaqueada na frente dos filhos no bairro Gutierrez, região Oeste de Belo Horizonte, na manhã de segunda-feira (23), teve alta do hospital. Ela passou pouco mais de 24 horas internada, e foi liberada na tarde desta terça-feira (24). 

Familiares da mulher confirmaram que ela está bem, e conseguiu se acalmar depois de ser atacada. A advogada fez uma chamada de vídeo para conversar com os parentes. Ela recebeu golpes nas costas, peito, braços e coxa.

Histórico de violência

Preso poucas horas após o crime, o ex-companheiro da vítima, de 36 anos, afirmou sofrer com bipolaridade, e que fazia uso de remédios. Segundo a delegada responsável pelo caso, ele disse que agrediu a mulher porque teria sido traído, e não demonstrava arrependimento. Até o momento, não foram apresentados laudos médicos que comprovem a condição dele.

Desde 2019, o homem tem histórico e registros de comportamento violento. Em 2020, chegou a ser preso em flagrante por agressão, e desde então, a vítima tinha medida protetiva contra ele. 

Antes desse relacionamento, ele tinha boletins de ocorrência por ter ameaçado outra mulher, batido na mãe, no pai (que estava doente), na irmã e ainda tentou matar policiais militares a facadas.

*Com Renato Rios Neto

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido