Ouvindo...

Times

Foragido da Justiça, ‘Lázaro de Ubá' é preso na Zona da Mata

O homem é investigado por tentar matar policias e arquitetar diversos homicídios por em conflito entre facções

Um homem conhecido como ‘Lázaro de Ubá', tido como líder do tráfico de drogas do complexo de Corte Grande e suspeito de organizar assassinatos na cidade na Zona da Mata foi preso durante operação deflagrada na última quinta-feira (16).

O investigado é acusado de tentativa de homicídio contra policiais militares em janeiro deste ano. O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) realizou a operação Xeque-Mate para cumprir sete mandados de prisão na região.

O homem passou três dias em uma mata densa às margens da MG-120 acompanhado de um comparsa para se esconder dos militares enquanto esperava ser resgatados por aliados. No momento em que seria resgatado, os militares conseguiram interceptar um veículo, porém foram recebidos a tiros pelos criminosos.

Os policiais trocaram tiros e prenderam o líder do grupo, que portava uma espingarda calibre 12, além de dois homens e uma mulher que estavam no veículo. Dentro do carro foram apreendidas uma espingarda com munições, três revólveres 38, munições de calibre 9mm e .40, além de 308 pinos de cocaína e barras de maconha.

Série de homicídios

De acordo com informações dos militares, uma briga entre facções criminosas levou a uma série de homicídio em Ubá em 2022. Os policiais identificaram os líderes dos grupos e deflagrou várias operações que resultaram em prisões e apreensões de armas de fogo, granadas antipessoal, munições e substâncias entorpecentes, pertencentes ao ‘Lázaro de Ubá', líder e foragido da Justiça.

Formado em Jornalismo pelo UniBH, em 2022, foi repórter de cidades na Itatiaia e atualmente é editor dos canais de YouTube da empresa.
Leia mais