Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Gaeco de SP mira agentes públicos em operação contra corrupção de empresas do setor de combustíveis

Sete mandados de busca foram cumpridos em São Paulo e Barueri nesta quarta (15)

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de São Paulo, com o apoio da Polícia Civil, cumpriu na manhã desta quarta-feira (15) sete mandados de busca e apreensão numa operação que investiga corrupção de agentes públicos em um esquema envolvendo empresas de um grupo que vende combustíveis.

Os mandados foram cumpridos na capital paulista e em Barueri, na Grande São Paulo. A operação desta quarta foi um desdobramento de outra que ocorreu em março de 2023. O Gaeco não informou quais agentes públicos estão envolvidos.

De acordo com a investigação, no ano de 2020, um grupo empresarial do setor de combustível, localizado em São Paulo, até então com atuação modesta no mercado nacional, passou a figurar entre os maiores fornecedores de gasolina do país.

Segundo o Gaeco, a prática de preços não era condizente com a realidade do mercado regular. Para isso, as empresas operavam para reduzir o valor cobrado de ICMS.

A investigação apontou que o aumento expressivo na comercialização de gasolina coincidiu com a alteração no quadro societário das empresas do grupo e com a criação de um estabelecimento filial, localizado em Tocantins, que passou a importador nafta e aromáticos exclusivamente para as empresas investigadas.

Os crimes investigados são corrupção, sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, entre outros.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais