Ouvindo...

Times

Um terço dos brasileiros passam mais de 1h por dia no trânsito, diz CNI

Levantamento da Confederação Nacional da Indústria revelou que a vida profissional dos brasileiros é a mais impactada com o tempo gasto com locomoção

Cerca de um terço dos brasileiros - 36% - passam mais de 1h por dia no trânsito para realizar atividades de rotina, como trabalho e estudo. É o que revela um estudo da Confederação Nacional da Indústria, divulgado nesta semana. Segundo o levantamento, 55% dos entrevistados têm a qualidade de vida afetada em razão do tempo gasto em locomoção.

A pesquisa ouviu 2.019 pessoas, a partir dos 16 anos, em cidades com população acima de 250 mil habitantes, em todos os estados brasileiros e o Distrito Federal. As entrevistas foram realizadas entre 1º e 5 de abril deste ano. A margem de erro da amostra é de 2 pontos percentuais.

O levantamento revelou que 51% dos participantes têm a produtividade afetada e que, para 29% das pessoas, o tempo de locomoção aumentou após a pandemia. A pesquisa ainda mostrou que 8% da população gasta mais de 3 horas por dia no trânsito; 7% ficam entre 2 e 3 horas; e 21% entre 1 e 2 horas, totalizando 36% das pessoas que passam mais de 1 hora diária no transporte.

Como consequência de tantas horas no trânsito, 60% das pessoas já chegaram atrasadas ou estressadas no destino; 34% já perderam um período de trabalho; 23% já chegaram a perder um dia inteiro de trabalho; e 26% já perderam uma reunião importante.

Para evitar problemas na vida profissional por causa do tempo gasto em locomoção, 37% dos entrevistados disseram que já cogitaram trocar de emprego, com a mesma remuneração, para ficar mais próximo do trabalho.

Fernanda Rodrigues é repórter da Itatiaia. Graduada em Jornalismo e Relações Internacionais, cobre principalmente Brasil e Mundo.
Leia mais