Ouvindo...

Times

Empresário revela quanto Wolves pagou pela compra de Pedro Lima, do Sport

Joia rubro-negra foi negociada com o clube inglês pelo maior valor da história do Nordeste

O Wolverhampton pagou 10 milhões de euros (cerca de R$ 58,74 milhões) pela compra do lateral-direito Pedro Lima, considerado a principal joia do Sport. Foi o que confirmou o empresário do atleta, Renato Guimarães, nesta terça-feira (19), à Itatiaia. A informação foi revelada inicialmente pelo GE.

Essa é, de forma disparada, a maior transação comercial da história de um clube do Nordeste, superando a do lateral-esquerdo Johanner Chávez do Bahia para o Lens, da França, estipulada em R$ 25,7 milhões.

O valor pago pelo Wolves também supera a proposta do Chelsea. Os Blues haviam oferecido 7,5 milhões de euros, o equivalente a R$ 43,82 milhões, pela aquisição, mais bônus previstos em R$ 17,5 milhões caso determinadas metas fossem estabelecidas.

Além disso, inicialmente, Pedro Lima seria emprestado ao Strasbourg, da França, por não atender a determinadas regras para jogar a Premier League pelo Chelsea. No Wolves, como ele não excederá a cota de estrangeiros, esse problema não existe.

O anúncio

O anúncio da venda para o Wolverhampton foi feito na última segunda-feira (17). O lateral só poderá assinar o contrato com no dia 1º de julho de 2024, quando completará 18 anos.

Na ocasião, em contato com a Itatiaia, Guilherme Falcão, integrante do Comitê Gestor do Sport, explicou o motivo do “chapéu” do Wolverhampton no Chelsea.

“Como chegou a um ponto de inflexão nos termos que o Sport exigia com o Chelsea, passamos a conversar com o Wolverhampton. Foi uma conversa bem mais simples, porque eles aceitaram as condições que tínhamos estabelecido, tanto de preço quanto de percentuais de vendas futuras”, afirmou o diretor.

O Sport ainda se comprometeu a divulgar todos os detalhes do contrato, de forma transparente.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Nuno Krause é correspondente da Itatiaia na região Nordeste. Formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), acumula passagens por Bahia Notícias, Jornal A TARDE e Rádio Salvador FM. Atua no jornalismo esportivo desde 2019.
Leia mais