Ouvindo...

Times

Grêmio tem pior sequência de derrotas em 20 anos no Brasileirão

Tricolor está em 18º lugar da competição, já na zona de rebaixamento, com seis pontos

O resultado de 1 a 0 para o Fortaleza, na noite desta quarta-feira (19), pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, não apenas colocou o Grêmio no Z4. O revés sofrido na Arena Castelão é a quinta derrota seguida do Tricolor na competição, a maior sequência no time gaúcho nos últimos 20 anos.

O Grêmio não tinha uma série tão negativa desde 2004, ano de seu segundo rebaixamento. À época, já no esquema de pontos corridos, o time gaúcho teve seis derrotas seguidas, já na reta final do campeonato. A última sequência adversa do Tricolor foi em 2021, ano de seu terceiro rebaixamento, quando a equipe acumulou quatro derrotas consecutivas.

Nas últimas rodadas, o Grêmio perdeu para o Bahia, no final de abril, antes da paralisação do Brasileiro em razão da enchente no Rio Grande do Sul, e para Bragantino, Flamengo, Botafogo, e Fortaleza, após a retomada.

Após a derrota para o Leão, na Arena Castelão, o técnico Renato Portaluppi admitiu o desempenho ruim da equipe, mas pediu novamente a paciência dos torcedores.

“Sei que ninguém gosta de perder, mas estamos no mesmo barco. Torcedor tem que ter paciência. Nosso torcedor está triste, nós também, mas é questão de tempo. Nada melhor do que ter um resultado positivo no Gre-Nal para a gente retomar a arrancada. O Grêmio é questão de tempo. Isso eu posso garantir. O torcedor pode ficar tranquilo. O Grêmio “já, já" vai voltar para o lugar dele”, garantiu Renato.

O próximo compromisso gremista é justamente contra o maior rival Inter, no próximo sábado (22), no Couto Pereira, em Curitiba, pela 11ª rodada do Brasileirão.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Gaúcha de Porto Alegre, Mauri Dorneles é formada em Jornalismo pela PUC-RS e trabalha como correspondente do portal Itatiaia Esporte no Sul do Brasil. Também cursou Cinema. Antes da Itatiaia, passou por Correio do Povo, Record RS, Rádio Grenal, RBS TV e Band.
Leia mais