Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Fortaleza x Boca: árbitro da final da Libertadores apita jogo pela ‘Sula’

Colombiano Wilmar Roldán comandou a decisão da última Libertadores, quando o Boca perdeu para o Fluminense dentro do Maracanã

A comissão de arbitragem da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) escalou o colombiano Wilmar Roldán, de 44 anos, para apitar Fortaleza x Boca Juniors, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. O jogo será às 21h (de Brasília) da próxima quinta-feira (25), na Arena Castelão, na capital cearense.

Roldán é um dos mais experientes árbitros da América do Sul e comandou a última final da Copa Libertadores, a principal competição de clubes do continente. Em 4 de novembro de 2023, ele esteve em Fluminense 2 x 1 Boca, no Maracanã. O jogo só foi decidido a favor dos brasileiros na prorrogação.

O colombiano, que se encaminha para o fim de carreira, tem readquirido prestígio dentro da Conmebol, depois de ter sido um dos principais nomes do quadro de arbitragem da entidade na década passada.

Ele comandou, por exemplo, três finais seguidas de Libertadores: em 2012, com o título do Corinthians sobre o Boca Juniors, no Pacaembu, em 2013, vitória do Atlético sobre o Olimpia-PAR, no Mineirão, e a ida de 2014, entre Nacional-PAR e San Lorenzo-ARG, no Paraguai.

No Castelão, Roldán terá como auxiliares Alexander Guzmán e John Galego, ambos também colombianos. O VAR (árbitro de vídeo) será comandado na cabine por Carlos Orbe, do Equador.

O Fortaleza lidera o Grupo D da Sul-Americana, com seis pontos em dois jogos, enquanto o Boca é o segundo, com quatro. O Nacional Potosí, da Bolívia, tem um ponto, enquanto o Sportivo Trinidense, do Paraguai, ainda não somou.

Uma vitória na próxima semana deixa o clube brasileiro em situação privilegiada para conseguir a primeira colocação da chave e vaga direta nas oitavas de final. O segundo precisa jogar uma repescagem contra um time que vai migrar da Libertadores como terceiro da fase de grupos.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais