Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Fortaleza atropela Nacional Potosí e mantém liderança na Sul-Americana

Com facilidade, time de Juan Pablo Vojvoda goleia bolivianos na Arena Castelão e continua na frente do Boca Juniors na competição sul-americana

O Fortaleza atropelou o Nacional Potosí, da Bolívia, por 5 a 0 nesta quarta-feira (10), na Arena Castelão, na capital cearense. O jogo foi válido pela segunda rodada do Grupo D da Copa Sul-Americana e o resultado é importante, principalmente pelo saldo de gols obtido.

O Leão manteve a liderança da chave, agora com seis pontos, em dois jogos, e 100% de aproveitamento. São dois pontos a mais do que o Boca Juniors, tradicional equipe argentina e grande rival para a obtenção da primeira colocação e da vaga direta às oitavas de final da ‘Sula’.

O segundo terá que jogar uma repescagem contra um time que vai migrar da Copa Libertadores, como um dos terceiros colocados dos grupos da outra competição da Conmebol. A primeira posição, portanto, alivia o calendário com uma eliminatória a menos.

O Boca empatou na estreia, 0 a 0 contra o Nacional-BOL, jogando nos quase 4 mil metros de altitude de Potosí. Na terça-feira (9), os argentinos bateram o Sportivo Trinidense em casa, por 1 a 0, time paraguaio que na semana passada foi derrotado pelo Fortaleza por 2 a 0, em Assunção.

O jogo

O time boliviano não exigiu qualquer dificuldade ao Fortaleza, mesmo com o time brasileiro de ressaca após perder no final de semana passado a final do Campeonato Cearense para o arquirrival Ceará, nos pênaltis.

O Fortaleza chegava com muita facilidade ao gol, e foi empilhando chances perdidas e, claro, gols. No primeiro tempo Hércules fez um golaço, chutando de fora da área, e Lucero anotou outros dois. Pikachu fez um, mas foi anulado por impedimento.

O atacante conseguiria confirmar seu gol com apenas dois minutos do segundo tempo, aproveitando cruzamento de Pochettino. Dez minutos depois, Machuca aproveitou sua velocidade para invadir a área e anotar o quinto.

Vojvoda fez algumas mudanças, poupando por exemplo Hércules, que assuntou os torcedores ao sentir dores no joelho, que ele operou recentemente. O jogador ficou bem, mas deu lugar a Lucas Sasha. Ainda deu tempo de Marinho ser expulso, em falta dura no rival.

Próximos jogos

Pela Sul-Americana, o Fortaleza só volta a jogar no dia 25 de abril, quando vai receber o Boca Juniors na Arena Castelão, às 21h (de Brasília), pela terceira rodada do Grupo D.

Na Série A do Brasileiro, o Leão estreia na edição 2024 neste sábado (13), contra o São Paulo, no Morumbis, às 21h (de Brasília).

Fortaleza 5 x 0 Nacional Potosí-BOL

Fortaleza

João Ricardo; Dudu, Brítez, Cardona e Bruno Pacheco (Tinga); Zé Welison (Luquinhas), Hércules (Lucas Sasha) e Pochettino; Yago Pikachu(Marinho), Lucero (Pedro Rocha) e Machuca. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Nacional Potosí

Mustafa; Baldomar, Ortiz, Restrepo e Leaños (Mancilla); Andia, Hoyo, Duarte (Torrico) e Galindo (Alles) ; Britez (Pavia) e Prost (Alvarez). Técnico: Claudio Biaggio.

Gols
Hércules (12min1ºT), Lucero (15min2ºT), (28min2ºT), Yago Pikachu (2min2ºT), Machuca (12min2ºT) para o Fortaleza

Cartões Amarelos
Hércules, Pedro Rocha (Fortaleza)

Cartão Vermelho
Marinho (Fortaleza)

Público: 19.237 presentes
Renda: R$ 126.005,00

Motivo: 2ª rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana
Data e horário: 10 de abril de 2024, às 19h (de Brasília)
Local: Arena Castelão, em Fortaleza

Árbitro: Augusto Aragón (Equador)
Auxiliares: Cristian Lescano e David Vacacela (ambos do Equador)
VAR: Bryan Loayza (Equador)

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais