Ouvindo...

Times

Série A: Bahia é favorito ao título, e Vitória ao rebaixamento, aponta UFMG

Clubes baianos vivem realidades diametralmente opostas no Brasileirão

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que tradicionalmente faz levantamentos sobre as principais divisões do futebol nacional, colocou Bahia e Vitória, representantes baianos na Série A do Campeonato Brasileiro, em realidades diametralmente opostas.

O Esquadrão de Aço aparece, depois de sete jogos disputados, como o principal favorito ao título. Segundo o levantamento da instituição, o time treinado por Rogério Ceni tem 11,8% de chances de levantar a taça do certame.

Enquanto isso, o Vitória, que jogou seis vezes, é o principal candidato ao rebaixamento, com 61,1% de chances. Com apenas um ponto conquistado, o Leão tem seu pior início de Brasileirão na era dos pontos corridos.

Corrida pelo título

Atrás do Bahia, aparecem como os principais candidatos o Flamengo (11,4%), o Athletico-PR (10,5%), o São Paulo (9,2%) e o Botafogo (9,2%).

Neste momento, o Tricolor de Aço ocupa a vice-liderança da competição, com 14 pontos. Está atrás apenas do Rubro-Negro carioca, que tem os mesmos 14 pontos, mas um saldo de gols maior - 7 contra 3.

O Esquadrão, logicamente, também é o clube com mais chances de se classificar à Libertadores da América, torneio que não disputa desde 1989. À época, ganhou vaga após conquistar o Campeonato Brasileiro de 1988. Segundo a UFMG, o Bahia tem 54,7% de chances de ir ao torneio continental do ano que vem.

Sob Rogério Ceni, o time só perdeu um dos sete jogos que disputou no Brasileirão. Os outros seis terminaram com quatro vitórias e dois empates - o último deles contra o Atlético, fora de casa.

O Bahia voltará a campo no dia 13 de junho, uma quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), pela oitava rodada da Série A.

Corrida contra o rebaixamento

Com apenas um ponto conquistado em seis jogos, o Vitória ocupa a vice-lanterna do Campeonato Brasileiro. Apenas o Cuiabá, que não pontuou, mas tem uma partida a menos, está atrás na tabela.

No entanto, o Dourado é o segundo clube com mais chances de ser rebaixado, com 57,2%. Completam o “Top 5" o Corinthians (42,4%), o Atlético-GO (38,9% e o Fluminense (34,5%). Desses, apenas o Flu não está no Z4 (é o 15º colocado).

Sem vencer na competição, o Rubro-Negro baiano passou, recentemente, por uma troca de treinadores. Saiu Léo Condé, comandante dos títulos da Série B de 2023 e do Campeonato Baiano de 2024, e entrou Thiago Carpini. Na estreia do novo nome no Brasileirão, o Leão perdeu em casa para o Atlético-GO, por 2 a 0.

Ainda assim, a diretoria não hesita em afirmar que o principal objetivo do clube em 2024 é conquistar uma vaga na Copa Sul-Americana via Série A. As chances de isso ocorrer, segundo a UFMG, são de 13,2% - a menor entre os 20 times do Brasileirão.

Nesta quarta-feira (5), o Vitória tem uma oportunidade para mudar esse cenário, já que enfrenta o Cuiabá, na Arena Pantanal, às 20h (de Brasília), em jogo atrasado da segunda rodada.

É importante lembrar que, como o campeonato está no início, a tabela de probablidades da UFMG é muito mais volátil do que em momentos mais decisivos.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Nuno Krause é correspondente da Itatiaia na região Nordeste. Formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), acumula passagens por Bahia Notícias, Jornal A TARDE e Rádio Salvador FM. Atua no jornalismo esportivo desde 2019.
Leia mais