Ouvindo...

Times

Luana Andrade sofreu quatro paradas cardíacas após lipoaspiração

Assistente de palco do ‘Domingo Legal’ morreu aos 29 anos nesta terça-feira (7)

Luana Andrade, assistente de palco do “Domingo Legal”, no SBT, morreu após fazer uma lipoaspiração e sofrer uma embolia pulmonar massiva nesta terça-feira (7). A modelo, que integrou o “Power Couple 6", estava internada na unidade Itaim do Hospital São Luís, em São Paulo.

“Ela internou para fazer uma lipo. Estava tudo bem, [era] com um dos profissionais mais conceituados do mercado, e aí aconteceu essa fatalidade. Ela veio a ter a parada cardíaca no meio do procedimento”, disse um dos empresários da modelo ao iG Gente.

Segundo ele, Luana foi reanimada três vezes e, na quarta, ela não voltou. “Ela teve a primeira e reanimaram. Teve a segunda, ficou tudo bem. Teve a terceira, ficou tudo bem. E teve a quarta, que foi na madrugada. Ela estava fazendo a lipo e aconteceu a fatalidade de ter as quatro paradas”, acrescentou.

Luana era formada em publicidade e propaganda e, além do programa do SBT, trabalhava como modelo e influenciadora digital. Ela ficou famosa após participar do Power Couple 6, reality show de casais da Record TV.

Confira a nota completa do hospital sobre a morte de Luana Andrade

O Hospital São Luiz do Itaim informa que a paciente Luana Andrade foi internada, acompanhada por seus familiares, na tarde desta segunda-feira (6/11) na unidade para procedimento de lipoaspiração, realizado por cirurgião e anestesista particulares contratados pela família.

Transcorridas aproximadamente duas horas e meia de cirurgia, a paciente apresentou intercorrência abrupta respiratória e teve uma parada cardíaca, sendo imediatamente reanimada pela equipe.

A cirurgia foi interrompida e a paciente, submetida a exames que constataram quadro de trombose maciça. Foi transferida para a UTI onde foi submetida a tratamento medicamentoso e hemodinâmico.

Mesmo com todos os esforços da equipe do hospital, ela evoluiu desfavoravelmente e morreu por volta de 5h30 de hoje.

A causa da morte foi embolia pulmonar maciça.

O Hospital São Luiz do Itaim lamenta profundamente o óbito da paciente e se solidariza com a família.

Patrícia Marques é jornalista e especialista em publicidade e marketing. Já atuou com cobertura de reality shows no ‘NaTelinha’ e na agência de notícias da Associação Mineira de Rádio e Televisão (Amirt). Atualmente, cobre a editoria de entretenimento na Itatiaia.
Leia mais