Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Cachoeira famosa da Serra do Cipó, em MG, é interditada em meio à onda de calor

Poço da Cachoeira do Tabuleiro, em Conceição do Mato Dentro, foi fechada por tempo indeterminado para evitar acidentes com deslocamento de rochas

Cachoeira é considerada a mais alta de Minas Gerais

Cachoeira é considerada a mais alta de Minas Gerais

Divulgação/Prefeitura de Conceição do Mato Dentro

A Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, na região Central de Minas Gerais, anunciou a interdição do poço da Cachoeira do Tabuleiro, famoso ponto turístico, considerada a cachoeira mais alta de Minas Gerais. A medida é tomada em meio a onda de calor que afeta boa parte do estado.

Segundo o comunicado da prefeitura, a decisão foi tomada após vistorias e levantamentos técnicos feitos nos paredões da área da cachoeira. A administração vai fazer intervenções em “áreas de potencial deslocamento de rochas” e, com isso, o espaço segue fechado por tempo indeterminado.

A visitação na parte alta da cachoeira está mantida, “respeitando a capacidade de carga e as condições climáticas”. Apesar de não haver previsão do fechamento da parte alta, ela pode ser interditada a qualquer momento, caso a empresa contratada pela prefeitura detecte riscos. A medida foi apoiada pela maioria dos moradores, que elogiaram a decisão nos comentários da publicação no Instagram.

Cachoeira do Tabuleiro

A Cachoeira do Tabuleiro fica no Parque Estadual da Serra Geral do Intendente e dentro do território do distrito de Tabuleiro, a 19 quilômetros do centro de Conceição do Mato Dentro. Com 273 metros de queda livre, a cachoeira é a mais alta do Brasil, com uma altura comparável a um edifício de 91 andaras. Por conta da altura desta queda, o poço da cachoeira tem cerca de 20 metros de profundidade.

Além da própria cachoeira, quem visita o local pode observar a vegetação típica da Mata Atlântica, além de jardins naturais com orquídeas e bromélias gigantes. A cachoeira já foi premiada a mais bonita do Brasil em duas oportunidades e está na lista das “7 Maravilhas da Estrada Real”.

Jornalista formado pela UFMG, com passagens pela Rádio UFMG Educativa, R7/Record e Portal Inset/Banco Inter. Colecionador de discos de vinil, apaixonado por livros e muito curioso.
Leia mais