Ouça a rádio

Compartilhe

Motorista de carreta que provocou acidente em Santa Luzia é suspeito de ter usado cocaína e rebite

Carreta destruiu carros e atingiu casas no bairro São João Batista 

Pelo menos 15 carros foram atingidos pela carreta

O motorista da carreta que causou um gravíssimo acidente em Santa Luzia, na Grande BH, na noite dessa sexta-feira (17), estava com substância semelhante a cocaína na cueca. Também consta no boletim de ocorrências que o condutor, de 39 anos, admitiu ter tomado rebite (droga sintética usada por alguns caminhoneiros que querem ficar acordados por muitas horas).

O motorista, que saiu de Uruguaiana, na fronteira com a Argentina, foi preso pelos crimes de direção perigosa e por dirigir sobre a influência de entorpecentes. “Provavelmente, ele fez uso de alguma substância entorpecente. Ele passava informação nada com nada, passava algumas notícias de que estava meio alucinado e que estava sendo perseguido. Pode ser que ele tenha ingerido esse rebite, que comumente caminhoneiros costumam usar”, disse o tenente Renato Nascimento, do 35º Batalhão.

A Itatiaia percorreu o trajeto pelo qual a carreta passou e viu o cenário de caos e destruição no bairro São João Batista. Pelo menos 15 carros foram atingidos, caçambas de cabeça para baixo e muitas ruas ficaram sem luz. Hudson Dias Romualdo teve o carro destruído. Por sorte, ele estava em casa no momento que a carreta passou levando tudo.

“Muito susto. A gente está até agora em choque. Foi assustador o que a gente presenciou aqui no início dessa noite. Estava dentro de casa, graças a Deus. Foi um barulho muito grande, um barulho muito alto e a gente ficou assustado, mesmo porque tinha uma caçamba aqui na porta, essa montoeira de carro e a carreta desceu arrastando tudo”, descreveu.

Filho dentro carro

Dona Maria Helena também passou por um susto muito grande. Ficou tão nervosa que a pressão dela estava em 19 por 12. A carreta bateu em parte da casa dela e destruiu o Corolla do filho, que estava dentro do carro. Mesmo abalada, ela conversou com a Itatiaia.

“Estava sentada na cama. Aí fez um barulho no portão e eu levantei e olhei. Era meu filho acabando de entrar dentro do Corolla. Quando eu olhei, vinha a carreta, empurrou o Corolla com meu filho dentro, passou e arrancou toda essa frente. Destruiu as colunas (da casa), destruiu tudo. Meu filho, graças a Deus, gritei por Nossa Senhora, e já ele já estava fora do carro”, disse.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido