Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Gasolina e etanol podem ficar mais caros nos postos; entenda

O novo reajuste vai ocorrer devido ao retorno da cobrança do PIS/Cofins

A alta nos preços da gasolina e do etanol, prevista por causa da retomada de impostos federais, pode chegar ainda antes nas bombas.

Isso porque postos mineiros estão encontrando dificuldade para comprar o combustível das grandes distribuidoras, que tem retido pedidos diante da possibilidade real de vender mais caro daqui alguns dias.

Rafael Macedo, presidente do Minaspetro – sindicato que representa os postos de gasolina do Estado – explica que essa é uma pratica recorrente das distribuidoras toda vez que um aumento é anunciado ou se aproxima, ação que afeta especialmente os motoristas do interior:

“As distribuidoras simplesmente cortam os pedidos dos postos, aumentam antecipadamente o preço por conta justamente de um desbalanceamento de oferta e demanda e o que acontece é que essa prática pode ocasionar uma antecipação nesse aumento do preço, não por culpa do posto, que está comprando aquele produto mais caro ou até mesmo tendo risco de falta de produto no seu ponto comercial”, explica.

O instituto brasileiro de petróleo, que representa as distribuidoras, foi procurado para comentar as queixas do minaspetro, mas ainda não retornou.

O novo reajuste vai ocorrer devido ao retorno da cobrança do PIS/Cofins. Nas bombas, a volta da tributação deve gerar um aumento de até R$ 0,34 no litro da gasolina e de R$ 0,22 no etanol. No fim do ano passado, o governo anunciou a desoneração dos tributos federais sobre os combustíveis. A decisão, no entanto, foi revertida na gestão do governo Lula.

Neste mês, a gasolina e o etanol sofreram outro impacto: a definição de uma alíquota única do ICMS. Apesar das alterações na carga tributária, em junho, a Petrobras anunciou uma queda de 4% nos preços. Com os novos valores, a gasolina baixou para o menor preço desde junho de 2021.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais