Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Veja o caminho das duplas de vôlei de praia para garantir vaga em Paris 2024

O regulamento da Federação Internacional de Voleibol (FIVB) prevê que cada país poderá ter, no máximo, duas duplas por gênero

Pela sétima edição consecutiva, a modalidade do vôlei de praia é mais um esporte confirmado nos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024. As duplas brasileiras, consideradas potências nas areias, buscam conquistar um lugar no pódio após ficar de fora em Tóquio 2020 nos dois naipes. No quadro geral de medalhas, o Brasil é o maior medalhista com 13, seguido dos Estados Unidos com 11. Entretanto, os estadunidenses possuem sete medalhas de ouro contra três dos brasileiros.

No feminino, o Brasil já conquistou um ouro, quatro pratas e dois bronzes. As duplas masculinas já subiram no lugar mais alto do pódio duas vezes. Além disso, conquistaram três vice-campeonatos olímpicos e um terceiro lugar.

Nos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024, as partidas de vôlei de praia serão disputadas no Campo de Marte, localizado em Paris, ao lado da Torre Eiffel. 24 duplas de cada naipe participarão da competição. No total, 96 atletas da modalidade terão a oportunidade de disputar a Olimpíada de Paris.

O regulamento da Federação Internacional de Voleibol (FIVB) prevê que cada país poderá ter, no máximo, duas duplas por gênero.

Sistema de classificação

País-sede

A França, como país sede dos Jogos Olímpicos, tem direito a uma cota de classificação em cada naipe.

Campeonato Mundial

A dupla vencedora do Campeonato Mundial 2023, uma feminina e uma masculina, garantirão vaga em Paris 2024. A competição será realizada em três cidades do México - Tlaxcala, Huamantla e Apizaco - do dia 6 a 15 de outubro.

  • Representantes masculinos do Brasil: George/André, Pedro Solberg/Guto, Evandro/Arthur, Vitor Felipe/Renato

  • Representantes femininas do Brasil: Ana Patrícia/Duda, Andressa/Vitória, Ágatha/Rebecca, Carol/Bárbara, Tainá/Victória

Ranking da FIVB

As 17 melhores equipes de cada naipe de acordo com o ranking olímpico da FIVB também garantirão vaga nos Jogos Olímpicos de Paris. No sistema, serão contabilizadas as 12 melhores performances de cada dupla no período de 1 de janeiro de 2023 a 10 de junho de 2024. O Campeonato Mundial, o Beach Pro Tour (Elite, Challenge, Future e Finais) e as Finais de Circuitos Continentais são os torneios considerados no ranking.

Torneios Continentais

As cinco vagas restantes de cada gênero serão distribuídas nos cinco Torneios Olímpicos Continentais. A dupla vencedora de cada um garante a vaga em Paris 2024. A fase final das competições será realizada no final de junho do próximo ano.

Modelo de disputa dos Jogos Olímpicos

As 24 duplas classificadas de cada naipe serão divididas em seis grupos. As quatro melhores de cada chave passam de fase. A etapa mata-mata será composta por quartas de final, semifinais e disputa do bronze e a grande final.

Graduada em Jornalismo pela PUC Minas e repórter do portal Itatiaia Esporte. Cobre outras modalidades, especialmente vôlei.
Leia mais