Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

F1: Felipe Massa atualiza busca por título de 2008 e fala sobre brasileiros

Piloto busca, judicialmente, reconhecimento do título da temporada em que foi vice-campeão

Felipe Massa revelou como está o processo de reconhecimento do título da temporada em 2008. Em entrevista à Itatiaia, o piloto de 42 anos afirmou que a equipe jurídica segue em busca de esclarecimentos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e a Fórmula 1 Manegement (FOM).

“Não tem nada a falar no momento, mas nada está parado, tudo continua. Mas nesse momento, até pela informação dos advogados, a gente não está falando nada. Nada encerrou nossa luta que vai acontecer até o final”, disse.

Felipe Massa entrou com uma ação contra a FIA e a FOM solicitando esclarecimentos em relação ao Grande Prêmio de Singapura, na edição da Fórmula 1 de 2008. O pedido da defesa do piloto leva em conta as falas de Bernie Ecclestone, ex-presidente da F1, que revelou que os chefes da Fórmula 1 sabiam que o Grande Prêmio de Singapura, em 2008, foi manipulado pela Renault.

A equipe jurídica do piloto brasileiro escreveu uma carta ao presidente da FIA, Mohammed Ben Sulayem, e ao CEO da FOM, Stefano Domenicali, pedindo a retificação do campeonato mundial de 2008 e afirmando que, caso não o fizessem, Massa entraria com uma ação na Suprema Corte do Reino Unido contra as duas entidades. No documento, Massa afirma que foi vítima de uma conspiração devido aos acontecimentos no GP de Singapura em 2008.

Massa terminou com o vice-campeonato da temporada naquele ano. O então piloto da Ferrari perdeu o título para Lewis Hamilton, da McLaren, por apenas um ponto na classificação.

Leia também

Futuro do Brasil na Fórmula 1

Massa também analisou o atual panorama do Brasil na principal categoria do automobilismo mundial. Atualmente, o país não tem nenhum representante no grid principal. Felipe Drugovich e Pietro Fittipaldi são, respectivamente, pilotos reservas de Aston Martin e Haas.

"É triste a gente não ter um piloto brasileiro, o que aconteceu sempre na história toda da Fórmula 1 praticamente. Muitos pilotos tentando, a gente ainda não viu um ter a possibilidade de entrar, a gente sabe que é muito difícil. Tem o Drugovich que chegou perto e não teve a chance. Tem os mais novos como o Bortoleto, que está fazendo uma carreira bacana, venceu a Fórmula 3 ano passado, a gente sabe o quão importante é para ele essa fase de vitórias e mostrar, continuar mostrando, para equipes Fórmula 1 que ele tem a possibilidade de correr”, afirmou.

Gabriel Bortoleto de 19 anos, faz parte do Programa de Desenvolvimento de Pilotos da McLaren. O paulista foi campeão da Fórmula 3 em 2023 e, em 2023, disputará a Fórmula 2. O paranaense Drugovich, de 23 anos, foi campeão da Fórmula 2 em 2022. Massa destacou que torce para um próximo piloto ter carreira longeva na categoria.

“Não é fácil, é muito difícil, mas estou na torcida para que a gente possa ter um piloto brasileiro não só para entrar e sair, mas para entrar e ficar por muitos e muitos anos na Fórmula 1", completou.

Carreira

Felipe Massa estreou em 2002 na principal categoria do automobilismo guiando a Sauber. Ele ficou de fora da temporada 2003 e retornou para os anos 2004 e 2005 na escuderia suíça.

O período de maior sucesso foi na Ferrari, onde ficou de 2006 até 2013. Foram 11 vitórias na equipe italiana e o vice-campeonato em 2008.

Massa ainda correu na tradicional Williams, escuderia britânica, entre 2014 a 2017. Por lá, encerrou a carreira depois de 272 corridas, 1167 pontos conquistados, 41 pódios e 16 pole positions.

“Com 42 anos tive muito o que agradecer por tudo aquilo que passei, as oportunidades que tive na carreira, uma carreira bem longa né. Número de corridas grande no currículo, com tantas vitórias, chance de ter vencido duas vezes em Interlagos, disputa pelo título. Logicamente por tantas equipes que passei, nove anos na Ferrari, tantas outras equipes como Sauber, Williams, outros campeonatos como também na Fórmula E e Stock Car”, revelou.

Depois da Fórmula 1, o brasileiro ainda correu de Fórmula E e Porsche. Desde 2021, Massa corre na Stock Car.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais