Ouvindo...

Times

Cotado para assumir a Seleção Brasileira, Ancelotti exalta Endrick

Em entrevista coletiva nesta terça-feira (7), o italiano revelou não estar surpreso com a escolha de Endrick para defender o Brasil

O garoto Endrick foi uma das grandes surpresas da convocação de Fernando Diniz na Seleção Brasileira. A presença do jovem de 17 anos na lista gerou elogios até de Carlo Ancelotti, atual treinador do Real Madrid.

Em entrevista coletiva nesta terça-feira (7), o italiano revelou não estar surpreso com a escolha de Endrick para defender o Brasil e exaltou suas atuações recentes.

“Não estou surpreso com a convocação porque ele está jogando muito bem. Há muita competição na seleção, então parece um prêmio para um jovem jogador”, disse.

A expectativa na CBF é de que Ancelotti assuma a Seleção no meio de 2024, assim que seu contrato com o Real Madrid chegar ao fim. Apesar disso, o treinador desconversa sobre o acerto com o Brasil, apesar da confirmação do presidente Ednaldo Rodrigues sobre o acordo.

Endrick foi chamado pela primeira vez para defender a Seleção depois de se destacar na reta final do Brasileirão pelo Palmeiras. Mesmo que Ancelotti acabe não assumindo o Brasil, ele pode comandar o atacante mesmo assim, já que o atleta se juntará ao Real Madrid no início da próxima temporada, quando completar 18 anos.

Endrick poderá estrear já no próximo duelo da Seleção, que acontecerá contra a Colômbia, no dia 16 de novembro, às 21h (de Brasília). Se não entrar em campo nesta oportunidade, ele terá outra chance no embate com a Argentina, que está marcado para no dia 23, às 21h30 (de Brasília).

*Com Agências

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais