Ouvindo...

Times

Fortaleza mantém tabu contra o Sport, rival na semi do Nordestão; veja números

Time cearense não perde de rival pernambucano há cinco jogos, desde 2021; jogo de domingo (26), na Arena de Pernambuco, começa às 18h (de Brasília)

O Fortaleza não perde do Sport há cinco jogos. São duas vitórias e três empates desde 6 de janeiro de 2021, quando o Leão pernambucano fez 1 a 0 na Ilha do Retiro, pela Série A do Brasileiro de 2020, que adentrou o ano seguinte por causa de pandemia de Covid-19.

Sob o comando do técnico Juan Pablo Vojvoda, que assumiu em 4 de maio de 2021, o Leão cearense ainda não perdeu do rival regional. No próximo domingo (26), às 18h (de Brasília), na Arena de Pernambuco, na região metropolitana do Recife, os times decidem uma vaga na final da Copa do Nordeste, em semifinal de confronto único.

Quem ganhar nos 90 minutos avança, se houver empate o classificado será conhecido nas cobranças de pênaltis. Se ampliar o alcance dos confrontos, o Sport só bateu o Fortaleza duas vezes nos dez últimos, com quatro vitórias do Fortaleza e quatro igualdades.

O jogo tem uma preocupação extra com segurança, já que foi depois do último encontro entre ambos, em 21 de fevereiro, um 1 a 1 pela fase de grupos do Nordestão, que ônibus do Fortaleza foi atacado por membros de uma torcida organizada do Sport, no trajeto de volta ao hotel.

Seis jogadores ficaram feridos. Sete pessoas já foram presas durante as investigações, mas agora estão soltas por decisão da Justiça e proibidas de irem a partidas do Sport.

O clube pernambucano foi punido com oito partidas sem torcedores, já cumpridas, portanto o estádio estará cheio neste domingo.

Na outra semifinal, o Bahia recebe o CRB, também no domingo (26) às 18h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais