Ouvindo...

Times

Flamengo é derrotado pelo Maringá na estreia na Copa do Brasil

Rubro-Negro faz nova partida apática, perde por 2 a 0, e precisa reverter no Rio de Janeiro para ir às oitavas

Atual campeão da Copa do Brasil, o Flamengo decepcionou na estreia. Nesta quinta-feira (13), diante do Maringá, no Estádio Willie Davids, o Rubro-Negro foi completamente dominado pela equipe paranaense e saiu derrotado do Paraná por 2 a 0. Agora, para se classificar, o Fla precisa vencer por três gols de diferença. Para o Maringá, que disputa a Série D do Campeonato Brasileiro, uma heroica classificação significa R$ 3,3 milhões de premiação e vaga inédita nas oitavas da competição.

Esta foi a primeira partida da equipe após a demissão de Vítor Pereira do cargo, na última terça-feira (11). Por ora, o clube segue em compasso de espera e deve definir até o fim de semana se vai contratar Jorge Jesus novamente ou se vai para algum Plano B para o cargo.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 26, no Maracanã. Antes disso, o Flamengo faz sua estreia na Série A do Campeonato Brasileiro, diante do Coritiba, também no Rio de Janeiro, no domingo (16), às 16h (de Brasília). O Maringá só volta a campo no confronto diante do Fla pela Copa do Brasil.

Flamengo repete péssimo padrão de jogo

Quem vê o Flamengo jogando atualmente não reconhece o elenco milionário que tem. Diante de um valente Maringá, o Rubro-Negro viu o rival tomar as ações da partida no primeiro tempo. Sem Vítor Pereira, com Mario Jorge de interino, o Fla seguiu com baixo padrão de futebol apresentado nos últimos jogos e assustou o Maringá apenas em lampejos.

E os donos da casa, que não tem nada a ver com isso, se aproveitaram de uma pane geral na defesa rubro-negra para sair na frente. Após boa jogada do estreante Luiz Tiago, Santos saiu errado e viu Matheus Bianqui cabecear, a bola tocou em David Luiz, que tentou tirar de calcanhar, e morreu no fundo do gol. Após quase três minutos de análise, o VAR confirmou a posição legal de Bianqui e a vitória parcial para o time paranaense.

Maringá volta melhor e complica o Flamengo

Os dois times voltaram para a segunda etapa sem alterações e o Flamengo tentou pressionar logo nos primeiros minutos, mas logo viu o Maringá dominar as ações, criando duas boas chances com Erick Varão e Serginho. Com a saída de bola lenta e marcado em cima - o Fla pouco conseguia pressionar, e deixou Matheus Bianqui avançar pela direita e cruzar com perfeição para o veterano Serginho ampliar o marcador.

Com dois gols em desvantagem, o Flamengo seguiu com pouca inspiração e assistiu ao Maringá chegar mais perto do terceiro gol do que diminuir a desvantagem. Gabigol, mais uma vez, passou em branco, aumentando seu jejum para dez jogos seu jejum. No ano, o camisa 10 marcou nove gols até aqui.

Maringá 2x0 Flamengo

Maringá

Dheimison; Marcos Vinícius, Vilar, Wesley e Raphinha (Caíque Silva); Erick Varão, Serginho, Matheus Bianqui (Romarinho) e Iago (Matheus Blade); Robertinho e Luiz Tiago (Bruno Lopes). Técnico: Jorge Castilho.

Flamengo

Santos; Varela (Wesley), Fabrício Bruno, David Luiz e Ayrton Lucas; Thiago Maia, Gerson, Everton Ribeiro (Marinho) e Everton Cebolinha (Matheus França); Gabigol (Matheus Gonçalves) e Pedro. Técnico: Mário Jorge.

Gols
David Luiz, contra (37min 1ºT) e Serginho (12min 2ºT) para o Maringá

Cartões amarelos: Matheus Bianqui, Erick Varão e Matheus Blade (Maringá);
Cartão Vermelho: Nenhum

Motivo: jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil
Data e horário: 13 de abril de 2023 (quarta-feira), às 20h (de Brasília)
Local: Willie Davids, Maringá, Paraná

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Leandro Matos Feitosa
Árbitro de vídeo: Adriano de Assis Miranda

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Leia mais