Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Ídolo do Cruzeiro se derrete e manda recado a meio-campista Japa, que reage

Ex-volante Fabrício rasgou elogios ao prata da casa celeste, que está na sua segunda temporada na equipe principal do Cruzeiro

O meia Japa voltou a ser titular na vitória do Cruzeiro por 3 a 1 em cima do Democrata-GV, na sexta rodada do Campeonato Mineiro. Uma das gratas revelações do clube na temporada passada, o meio-campista arrancou muitos elogios de um ídolo da torcida após o triunfo celeste no Vale do Rio Doce.

O ex-volante Fabrício, que atuou com a camisa azul entre 2007 e 2011, se derreteu pelas atuações do prata da casa.

“Jogador diferenciado, quando joga na meiúca, então, não tem pra ninguém”, publicou Fabrício em sua conta particular no Instagram.

Japa respondeu aos elogios e agradeceu ao ídolo cruzeirense.

“Fiquei muito feliz quando li o elogio do Fabrício. Para mim, é uma honra ser lembrado assim por um ídolo do Cruzeiro. Com certeza é um gás a mais para continuar trabalhando forte para fazer minha história no clube, como ele fez”, disse à Itatiaia.

Na própria postagem, Japa, aí pelo seu perfil no Instagram, se mostrou honrado com a mensagem recebida de Fabrício. “Que honra”, respondeu.

Pelo Cruzeiro, Fabrício ganhou três títulos do Campeonato Mineiro (2008, 2009 e 2010), além de ter sido vice-campeão Brasileiro, em 2010, e da Copa Libertadores da América, em 2009.

Troféu Guará 2023

Japa foi eleito a Revelação do Troféu Guará Bmg, evento patrocinado pela Codemge e promovido pela Itatiaia. O jogador, de 20 anos, atuou em sete jogos no Campeonato Brasileiro do ano passado. Foram 363 minutos, três partidas como titular e quatro como reserva. Curiosamente, com ele em campo, o time estrelado não foi derrotado: foram três vitórias e quatro empates.

Estreia no time principal

João Wellington Gadelha Melo de Oliveira, mais conhecido como Japa, estreou na equipe profissional do Cruzeiro em 2023. O primeiro jogo na equipe principal foi a vitória por 1 a 0 no clássico diante do Atlético, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena MRV, em Belo Horizonte.

O jogador foi acionado pelo então treinador Zé Ricardo para o lugar do lateral-esquerdo Kaiki. Japa foi elogiado ao final da partida pelo ex-técnico celeste. O atleta também foi elogiado por Paulo Autuori, que comandou o Cruzeiro na reta final do Brasileirão.

“O Japa tem um tipo de personalidade que eu fecho os olhos e o coloco em qualquer circunstância. O cara entrou contra o Atlético lá, entrou aqui contra o Fortaleza, com a gente precisando ganhar. O Japa entrou com uma personalidade absurda, já sabendo os movimentos necessários, onde tem que estar com ou sem bola. Tenho que reverenciar o trabalho que está sendo feito”, destacou após a vitória por 1 a 0 contra o time cearense.

Japa está no Cruzeiro desde 2017 quando ingressou na categoria Sub-15. Passou, nos anos seguintes, pelas categorias Sub-17 e Sub-20 de forma simultânea. Nas categorias de base, foi duas vezes campeão mineiro (2022 e 2023) e uma vez da Copa do Brasil (2023).

Leia também

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Guilherme Piu é jornalista esportivo com experiência multiplataforma: digital, revista, rádio e TV. Tem dois livros publicados e foi premiado em festivais de cinema no Brasil e no exterior, dentre eles o Cinefoot. Cobriu grandes eventos, como Copa do Mundo, Olimpíada, Copa América e torneios de futebol. Passou por Hoje em Dia, Uol e Revista Placar.
Coordenador do esporte digital da Itatiaia. Construiu sua carreira no jornalismo esportivo digital. Grande experiência como repórter e editor-chefe. Passou por Superesportes, Estado de Minas, TV Alterosa, Veja BH, Canal 23 e colaborou com O Jogo (POR), Mundo Deportivo (ESP) e Levante EMV (ESP).
Leia mais