Ouvindo...

Times

Santos goleia o Guarani e mantém 100% de aproveitamento na Série B

Peixe teve grande atuação e passou por cima do adversário de Campinas (SP)

Com grande atuação, o Santos passou por cima do Guarani e venceu por 4 a 1 nesta segunda-feira (6), pela Série B do Campeonato Brasileiro. A partida foi disputada na Vila Belmiro e contou com gols de Guilherme, Diego Pituca, Alfredo Morelos e Giuliano, para o Peixe, e Caio Dantas, para o Bugre.

Embora sem público presente nas arquibancadas, o Santos mostrou desde os minutos iniciais do jogo que utilizaria o fator casa a seu favor. A equipe de Fábio Carille jogou com intensidade alta, marcando o Guarani desde a saída de bola.

Foi a terceira vitória consecutiva de um Santos que faz um começo arrasador na Série B. Antes de encarar o Guarani, o Peixe acumulou vitórias sólidas sobre Avaí e Paysandu, ambas por 2 a 0.

O Santos volta a campo no próximo sábado (11), quando encara o Amazonas, fora de casa, pela Série B. O Guarani, neste mesmo dia, recebe o Botafogo-SP no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Ambos os jogos serão às 17h (de Brasília).

Sem público

A partida na Vila Belmiro não contou com a presença de público nas arquibancadas. O Santos, afinal de contas, foi punido com três jogos com portões fechados em partidas pela Série B do Campeonato Brasileiro.

A medida diz respeito aos atos de vandalismo causados por santistas no jogo que marcou a queda do clube à Série B, contra o Fortaleza. Este foi o segundo jogo da equipe sob a punição.

Quase lei do ex!

O primeiro gol na Vila Belmiro quase saiu de um roteiro bastante interessante para a partida. Luan Dias, que esteve no elenco do Peixe em 2023, e atualmente defende o Guarani, quase colocou a equipe campineira à frente no placar.

Na jogada, o ataque do Bugre se aproveitou de bate-rebate após cobrança de escanteio. A bola sobrou nos pés de Luan Dias, que bateu forte, acertando o travessão de João Paulo.

Carrasco

O Santos abriu o placar com o atacante Guilherme, aos 31 minutos do primeiro tempo. A jogada se iniciou no meio-campo, com João Schmidt, que encontrou Giuliano. O meia dominou, girou e tocou pelo alto para Guilherme, que bateu de bate-pronto e colocou o Peixe à frente.

Foi o quinto gol do camisa 11 em 2024, sendo o segundo na Série B do Campeonato Brasileiro. Vale destacar este foi o terceiro gol anotado por Guilherme contra o Guarani nesta temporada.

Joga a luva!

Oito minutos após abrir o placar na Vila Belmiro, o Santos aumentou a vantagem para o Peixe. O segundo gol veio dos pés do volante Diego Pituca, que finalizou em grande estilo de fora da área para as redes de Douglas Borges.

O lance, curiosamente, se iniciou em erro de Luan Dias, que perdeu chance clara para o Guarani minutos antes. Na sobra, Pituca arriscou de fora da área e chegou ao gol - seu segundo na temporada e primeiro na Série B.

Não valeu!

Gil marcou o que seria o terceiro gol do Santos na partida, mas viu o tento ser anulado pelo VAR. A arbitragem considerou irregular a posição do zagueiro, embora a origem da jogada tenha vindo do zagueiro Lucas Adell, do Guarani.

O camisa 2 do Santos chegou a conversar com o árbitro após a anulação e precisou ser contido pelo técnico Fábio Carille. Seria o primeiro gol de Gil pelo Santos.

Para desencantar

Alfredo Morelos ficou novamente entre os titulares do Santos para a partida contra o Guarani. O colombiano tem recebido oportunidades enquanto Julio Furch não fica em 100% de suas condições físicas para jogo. Foi dele o terceiro do Santos no jogo.

Pituca recebeu na entrada da área e bateu para o gol, com desvio. Douglas Borges espalmou para o lado, justamente onde estava Morelos, que marcou o terceiro gol.

Papéis trocados

Giuliano é o responsável por criar oportunidades de gol para Guilherme, como no primeiro tento do Santos diante do Guarani. No quarto gol do Peixe, porém, os papéis da dupla se inverteram.

Desta vez, foi Guilherme quem conduziu pelo lado esquerdo e serviu Giuliano, infiltrando a área, como finalizador. Frente a frente com o goleiro, ele deu belo toque e marcou mais um para o Santos.

Santos 4x1 Guarani

Santos

João Paulo; JP Chermont, Gil, Joaquim e Gonzalo Escobar (Hayner); João Schmidt (Rincón), Diego Pituca e Giuliano (Cazares); Otero (Patrick), Guilherme e Morelos. Técnico: Fábio Carille

Guarani

Douglas Borges; Diogo Mateus (Heitor), Léo Santos, Douglas Bacelar e Jefferson; Lucas Adell, Camacho e Luan Dias; Caio Dantas, Airton (Marlon) e Matheus Bueno (João Vitor). Técnico: Júnior Rocha

Motivo: terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Data e horário: 6 de maio de 2024 (segunda-feira), às 21h (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos-SP
Árbitro: Paulo Belence Alves dos Prazeres Filho
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (FIFA) e Karla Renata Cavalcanti de Santana
VAR: Rodrigo Nunes de Sa (VAR-FIFA)
Gols:
Guilherme (31 min 1ºT), Diego Pituca (39 min 1ºT), Morelos (10 min 2ºT) e Giuliano (20 min 2ºT), para o Santos

Caio Dantas (27 min 2ºT), para o Guarani
Cartões amarelos:
Escobar, do Santos

Léo Santos, do Guarani
Cartões vermelhos:

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais