Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Jogador do Atlético-GO fala em ‘roubo’ após derrota para o Flamengo pelo Brasileiro

Luiz Fernando, autor do gol da equipe goiana na partida, disparou contra árbitro mineiro

O atacante Luiz Fernando, do Atlético-GO, disparou contra a arbitragem após a derrota do Dragão para o Flamengo, por 2 a 1, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

O Atlético-GO teve dois jogadores expulsos e foi derrotado por um gol de pênalti nos acréscimos do segundo tempo. Após a partida, Luiz Fernando disse que o Dragão foi roubado em casa e cobrou atitude da CBF.

“O árbitro só fez merda. Cagou o jogo todo. Ele já veio mal intencionado. Marcou um impedimento que ninguém sabe que impedimento foi aquele, marcou um pênalti que não existe. Se ele expulsou o Maguinho, por que ele também não expulsou o Léo Pereira? Porque foi agressão do mesmo jeito. Colocam um cara para nos roubar dentro da nossa casa. Isso não pode. A CBF tem que tomar alguma atitude”, disse ao canal Premiere após a partida.

Durante o jogo, o clube havia disparado contra o árbitro Andre Luiz Skettino Policarpo Bento, de Minas Gerais. O técnico Jair Ventura foi expulso no começo do primeiro tempo.

“Juiz horroroso. Péssimo... Ruim pra falar o mínimo. Começou o Brasileirão. Jair Ventura expulso de forma arbitrária! Critérios diferentes, segura o jogo, expulsa um técnico por nada e assim segue o jogo. Será que se fosse do outro lado ele faria isso? Todo mundo sabe a resposta. Absurdo!”, disparou o clube.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Túlio Kaizer é jornalista esportivo com grande experiência no digital. Foi setorista dos três grandes clubes do futebol mineiro: América, Atlético e Cruzeiro. Cobre também basquete, vôlei, esportes americanos, esportes olímpicos e e-sports.
Leia mais