Ouvindo...

Times

Bruno Lage recusa proposta do Atlético; clube agora mira em Felipão

Português não aceitou proposta do Galo e deve seguir na Europa em 2023

O português Bruno Lage não será treinador do Atlético. Primeiro nome da lista, o comandante de 47 anos deve seguir na Europa em 2023.

Conforme apurou a Itatiaia, nesta sexta-feira (16), Lage agradeceu o convite feito pela cúpula do Alvinegro e preferiu não aceitar o desafio de trabalhar pela primeira vez no Brasil.

Com o “não” do português, o Atlético agora aciona sua primeira opção nacional. Aos 74 anos e ocupando cargo diretivo no Athletico-PR, Luiz Felipe Scolari passa a ser o alvo do clube.

A reportagem conversou com membro da diretoria que confirmou as conversas com o técnico, pentacampeão do mundo com a Seleção, e ouviu que “ainda não houve avanço”.

No Sul do país, a imprensa vê com desconfiança a possibilidade de acerto, principalmente pelas falas recentes de Scolari, que rechaçou aceitar convites para voltar a comandar equipes brasileiras.

Porém, no Alvinegro, a expectativa é que ele volte atrás da decisão e dê o “sim” para ser o técnico de Hulk e companhia no ano da inauguração da Arena MRV.

Henrique André é repórter multimídia e setorista do Atlético na Itatiaia. Acumula passagens por Uol Esporte, Jornal Hoje em Dia e outros veículos. Participou da cobertura de grandes eventos, como Copas do Mundo (2014-18) e Olimpíada (2016-2021).
Repórter setorista do Atlético, na Radio Itatiaia.
Leia mais