Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Atriz de ‘La Casa de Papel’ vai disputar título da Associação Mundial de Boxe

Jennifer Miranda ainda abriu uma conta no OnlyFans para poder se dedicar exclusivamente ao boxe

A espanhola Jennifer Miranda, que atuou na série “La Casa de Papel”, da Netflix, divide a sua vida entre as atuações na TV e a dedicação nos ringues e, no domingo (7), vai disputar o título interino de peso pena da Associação Mundial de Boxe (WBA). A adversária será a argentina Iara Altamirano, e o duelo acontecerá em Madri.

A vencedora do confronto terá a oportunidade de disputar o título mundial da categoria, e Jennifer Miranda acredita que está pronta para chegar ao topo do boxe.

“Outro dia estava conversando com meu treinador, com Javier Pardo, e disse a ele que sinto que estou melhor do que nunca. Ele concordou comigo. Estou no meu melhor momento e vou continuar no meu melhor, porque acho que este vai ser o meu ano. Quero ser campeã mundial, quero chegar aos Estados Unidos para disputar o título, o maior que existe, contra a melhor”, afirmou Jennifer Miranda em entrevista ao jornal espanhol AS.

Antes e depois de ‘La Casa de Papel’

Jennifer Miranda, de 37 anos, se apaixonou pelo boxe aos 23. Desde então, conquistou nove títulos espanhóis como amadora e outros dois como profissional. Mas foi sua participação na série “La Casa de Papel” que mudou sua vida.

Na quinta temporada da série, ela interpretou Arantxa Arteche, uma soldada especializada “com um toque de loucura e que agia no limite dos limites morais e da lei”.

“Marcou um antes e um depois para mim. Ela era eu. Éramos iguais. Uma parte feminina, uma parte muito guerreira. Foi fácil de me sentir identificada. Além disso, sempre gostei muito da temática militar. Aprendi a manusear armas, parecer um soldado, como eles fazem todos os movimentos. Aprender tudo isso foi muito legal”, disse Jennifer ao AS.

Conta no OnlyFans

Além do papel em La Casa de Papel, a espanhola participou de um reality show de boxe, chamado “Team Combat League”, nos Estados Unidos. Jennifer também mantém uma conta no site OnlyFans, que oferece principalmente conteúdo adulto aos seus assinantes.

“Para continuar no boxe, se dedicando ao que você gosta, você tem que fazer muitas coisas, ampliar seus horizontes. É muito difícil viver do boxe, mas é possível. Quando criaram o aplicativo (OnlyFans) foi com a ideia de abranger todos os setores. É um aplicativo para fãs, de todas as pessoas famosas ou notáveis. É verdade que apostaram no que tinha mais sucesso econômico, que era a parte que todos conhecemos”, afirmou.

Na sua conta no OnlyFans, Jennifer compartilha seu cotidiano, como treinos, dicas de nutrição e momentos importantes da preparação para o combate. Segundo a espanhola, a plataforma fornece o respaldo financeiro para poder se dedicar exclusivamente ao boxe e à atuação.

Jornalista, mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação pelo ISCTE-IUL (Lisboa), com passagens por TV Globo | SporTV, Jornal Hoje em Dia, Agência EFE (Espanha), BBC News Brasil (Inglaterra) e Sport TV (Portugal)
Leia mais