Ouvindo...

Times

Show de Taylor Swift gera tremor de terra na Escócia; entenda

Cerca de 73 mil fãs estavam presentes no show da última sexta-feira (7), dia que o tremor foi registrado

Os fãs da cantora americana Taylor Swift fizeram o chão literalmente tremer durante um show da artista em Edimburgo, na Escócia. Duas estações de monitoramento registraram atividades sísmicas na área onde ocorreu o show.

Cerca de 73 mil fãs estavam presentes no show da última sexta-feira (7), dia que o tremor foi registrado. O ápice da atividade sísmica foi durante a música Ready For It?, do álbum Reputation, lançado em 2017. Em Cruel Summer, do álbum Lover (2019), e os 4 minutos de aplausos depois de Champagne Problems, do evermore (2020), também registraram abalos sísmicos, dessa vez mais fracos.

"É incrível que tenhamos conseguido medir remotamente a reação de milhares de espectadores de shows através de nossos dados. A oportunidade de explorar uma atividade sísmica criada por um tipo diferente de fenômeno tem sido emocionante”, disse o sismólogo da British Geological Survey, Callum Harrison, à BBC.

Leia também

Duas estações de monitoramento registraram o tremor, sendo a mais distante delas de 6km.

Essa não é a primeira vez que tremores são registrados durante os shows da ‘The Eras Tour’. Shows em Seattle e Los Angeles registraram eventos semelhantes, gerando uma atividade sísmica equivalente a um terremoto de magnitude 2,3.


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais