Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Fã de Taylor Swift tem celular furtado e ladrão ‘devolve’ fotos do show da artista

Lorena Severino, de 22 anos, foi roubada um dia depois de assistir à apresentação da ‘The Eras Tour’

Fã de Taylor Swift, Lorena Severino conseguiu as fotos que tirou no show

Fã de Taylor Swift, Lorena Severino conseguiu as fotos que tirou no show

Reprodução | Redes sociais

Uma fã da cantora Taylor Swift teve o celular furtado na Avenida Paulista, em São Paulo, no último domingo (26), apenas um dia após assistir ao show da artista no Allianz Parque. O inesperado após o furto foi que, ao tentar contato com o ladrão do aparelho, ele decidiu “devolver” todas as fotos que a estudante Lorena Severino, de 22 anos, tirou durante a apresentação.

O caso viralizou nas redes sociais após a jovem compartilhar o caso com o título: “Como explicar São Paulo?”. A publicação já visualizada mais de quatro milhões de vezes traz algumas capturas de tela das conversas entre Lorena e o ladrão. “Ele parou de andar com a bike que me assaltou pra mandar na hora mais de 110 fotos da “The Eras [Tour]”, até as da Sabrina [Carpenter, cantora do ato de abertura]”, relatou.

Em entrevista concedida ao g1, Lorena explicou que já havia se planejado há meses para acompanhar a primeira turnê oficial de Swift no Brasil. Natural do interior de São Paulo, ela foi à apresentação com a mãe e, no dia do furto, aguardava por ela quando foi abordada por um ladrão que passava pela Paulista de bicicleta.

O aparelho estava desbloqueado e, por isso, o responsável pelo furto conseguiu acessar o WhatsApp da jovem. Considerando a situação, Lorena resolveu enviar mensagens para o próprio contato pelo celular da mãe, em uma tentativa de recuperar o celular e, ainda, de conseguir acesso às fotos do show.

A jovem se passou pela mãe na troca de mensagens e chegou a oferecer dinheiro para ter o celular de volta. O ladrão respondeu alguns minutos depois e enviou as mais de 100 imagens que Lorena tinha feito durante o show de Taylor Swift e até no ato de abertura da apresentação.

Depois de um tempo, o ladrão parou de responder a jovem, que procurou a polícia para registrar um boletim de ocorrência. Conforme informações do g1, o aparelho foi bloqueado e o caso será investigado pela polícia.

Maria Clara Lacerda é jornalista formada pela PUC Minas e apaixonada por contar histórias. Na Rádio de Minas desde 2021, é repórter de entretenimento, com foco em cultura pop e gastronomia.


Leia mais