Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Enem 2023: Inep libera uso de documentos digitais; confira quais são permitidos

Nesta edição do exame os candidatos poderão apresentar documentos como e-titulo e Carteira Nacional de Habilitação Digital

Motivo de dúvida para muitos inscritos, o tipo de documento de identificação que precisa ser apresentado para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) tem novidades na edição de 2023. Neste ano, o Inep liberou a utilização de documentos digitais, como e-titulo, Carteira Nacional de Habilitação Digital e RG Digital.

Apesar da facilidade, os candidatos devem ficar atentos porque os documentos tem que ser apresentados nos aplicativos oficiais. Ou seja, não serão aceitas capturas de telas, também conhecidas como “prints”. Outros pontos que os candidatos que optarem pelas identificações digitais devem prestar atenção é se o celular tem bateria suficiente e se possui conexão com internet para acessar os aplicativos.

Além dos documentos digitais, continuam sendo aceitos os documentos de identificação com foto que são impressos. Confira, abaixo, quais são os documentos válidos:

  • Cédulas de Identidade expedidas por secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar e Polícia Federal;

  • Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros, inclusive refugiados;

  • Carteira de Registro Nacional Migratório;

  • Documento Provisório de Registro Nacional Migratório;

  • Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenha validade como documento de identidade;

  • Passaporte;

  • Carteira Nacional de Habilitação.

Quais são os documentos que não são aceitos no Enem 2023?

No edital da prova, o Inep detalhou quais documentos não serão aceitos como identificação nos dias do exame. Confira a lista abaixo:

  • Protocolos;

  • Certificado de Dispensa de Incorporação;

  • Certificado de Reservista;

  • Certidão de Nascimento;

  • Certidão de Casamento;

  • Título Eleitoral;

  • Carteira Nacional de Habilitação em modelo anterior à Lei nº 9.503, de 1997;

  • Carteira de Estudante;

  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena (Rani);

  • Crachás e identidade funcional de qualquer natureza e

  • Cópias de documentos válidos, mesmo que autenticadas.

Enem 2023

O Exame Nacional do Ensino Médio de 2023 vai ser aplicado em novembro, nos dias 5 e 12 de novembro, dois domingos seguidos.

No primeiro dia, serão aplicadas as provas de redação, linguagens e ciêncoas humanas.

No segundo dia, é a vez das provas de ciências da natureza e matemática.

O Inep divulgou no último dia 24/10 os locais de prova em que cada candidato deve ir. Veja aqui como acessar o seu.

Veja tudo o que você precisa saber sobre o Enem 2023 clicando neste link.

(Sob supervisão de Marina Borges)

Ana Luisa Sales é estudante de jornalismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Na Itatiaia desde 2022, já passou por empresas como ArcelorMittal e Record TV Minas. Atualmente escreve para as editorias entretenimento, curiosidades e cidades.
Leia mais