Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Vasco inicia planejamento para 2024, e Praxedes é pedido especial de Ramón Díaz

Cruz-Maltino vai debater a possibilidade de ficar com o volante, assim que chegar o novo diretor de futebol, que deve ser Alexandre Mattos

Praxedes veste a camisa 21 do Vasco

Praxedes veste a camisa 21 do Vasco

Guilherme Abrahão/Itatiaia

O volante Praxedes virou um pedido especial do técnico Ramón Díaz para seguir no Vasco em 2024. Porém, o clube aguarda a chegada do novo diretor de futebol para abrir negociações com o Red Bull Bragantino, detentor dos direitos econômicos do atleta. Neste momento, em contrato, o Vasco precisa arcar com R$ 26 milhões para ficar em definitivo.

O clube e a diretoria, antes da saída de Paulo Bracks, já planejavam oferecer mais um período de empréstimo, mas dificilmente o Bragantino aceitaria. O clube paulista entende que Praxedes está valorizado e que pode vendê-lo para outros interessados. Mesmo perdendo um pouco de espaço no Vasco, ele é visto como um ótimo ativo.

Ramón Díaz é muito fã do jogador e quer tê-lo no elenco em 204, caso siga no comando. No derradeiro duelo da Série A do Campeonato Brasileiro, contra o próprio Bragantino, o Vasco pagou cerca de R$ 1 milhão para Praxedes jogar, já que ele possui vínculo. O pedido para o pagamento veio da comissão técnica e o camisa 21 foi titular.

Para retomar as conversas e manter o meia, o Vasco espera primeiro anunciar o novo diretor de futebol. O clube tem acordo encaminhado com Alexandre Mattos, ex-Atlético e Cruzeiro, e assim que o acordo for selado, a manutenção de Praxedes será um dos primeiros assuntos discutidos.

Aos 21 anos, Praxedes se destacou na base do Internacional e foi vendido ao Red Bull Bragantino. Ele foi titular por duas temporadas, mas neste ano teve pouco espaço até ser emprestado ao Vasco. No Rio de Janeiro, são 21 jogos, com um gol e duas assistências. Para desembarcar em São Januário, o volante conversou diretamente com Díaz

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Leia mais