Ouvindo...

Times

Ceni vê ‘cansaço’ decisivo em derrota do Bahia e diz que faltam peças no meio

Treinador tricolor avaliou que o time não segurou placar no segundo tempo contra o Vitória porque cansou

O técnico Rogério Ceni avaliou, neste domingo (31), que o cansaço do Bahia no segundo tempo foi o principal fator para o time levar a virada do Vitória. O Leão bateu o Esquadrão por 3 a 2, no Barradão, em Salvador (BA), e saiu na frente na final do Campeonato Baiano.

“Não temos as trocas necessárias para o modelo de jogo no meio de campo (...) Quando temos que fazer as trocas pelo cansaço, temos que encontrar a solução. Dentro do modelo de jogo que construímos, quando o cansaço bate, sofremos mais do que o normal”, afirmou o treinador, em entrevista coletiva após o confronto.

Apesar do diagnóstico, Ceni deixou claro que o Bahia não deve fazer novas contratações para o meio na próxima janela de transferências. Do dia 1º ao 19 de abril, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vai abrir uma possibilidade de os clubes negociarem com atletas que disputaram campeonatos estaduais em 2024.

“Dificilmente vamos fazer contratações. Já se investiu muito dinheiro. Vamos tentar achar alguma peça para fortalecer o setor e ter uma troca a mais”, projetou.

Com a derrota no primeiro jogo, o Bahia precisará vencer o Vitória por dois gols de diferença na volta para levantar a taça. Caso vença por um, a decisão será nos pênaltis. Se o Leão vencer ou empatar, fica com o título.

Leia também

Participe dos canais da Itatiaia Esporte:

Nuno Krause é correspondente da Itatiaia na região Nordeste. Formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), acumula passagens por Bahia Notícias, Jornal A TARDE e Rádio Salvador FM. Atua no jornalismo esportivo desde 2019.
Leia mais