Ouvindo...

Times

Mbappé contraria Federação e se pronuncia sobre eleições na França

Atacante concedeu entrevista coletiva neste sábado (16)

A Federação Francesa de Futebol (FFF) pediu neutralidade aos jogadores sobre as Eleições do país. Um dos principais ídolos da França, Kylian Mbappé contrariou o pedido e se posicionou contra a extrema-direita.

“Vemos que os extremos estão às portas do poder. Temos a possibilidade de mudar tudo”, afirmou o capitão. “Estamos em um momento crucial na história do país. Somos cidadãos, acima de tudo, e não podemos ficar desligados do mundo”, completou em entrevista coletiva concedida neste domingo (16).

Mbappé, de 25 anos, é descendente de camaroneses e argelinos. O recém-contratado do Real Madrid-ESP pediu para os franceses se identificarem contra o extremismo.

“Espero que minha voz seja transmitida o máximo possível. Precisamos nos identificar com valores de tolerância, respeito e diversidade. Cada voz conta”, completou.

A França passa por uma tensão política desde que o presidente Emmanuel Macron dissolveu o Parlamento e antecipou as eleições legislativas depois da vitória da extrema direita no pleito europeu.

A Seleção Francesa estreia na Eurocopa nesta segunda-feira (17), diante da Áustria, na Esprit Arena, em Dusseldorf, na Alemanha, pelo Grupo D da competição. O primeiro jogo da chave ocorreu nesse domingo (16) e acabou com vitória da Holanda sobre a Polônia.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais