Ouvindo...

Times

Saiba quanto Faustão pagaria por transplante de coração nos EUA

Fila de espera no país norte-americano é 50% menor que do Brasil

Faustão, de 73 anos, poderia realizar o transplante de coração nos Estados Unidos (EUA), onde a fila de espera é de cerca de sete meses. Ou seja, até 50 % menor do que no Brasil. No entanto, no país norte-americano, o apresentador teria que desembolsar R$ 8,1 milhões pelo procedimento. As informações são de um relatório feito em 2020 pela empresa Milliman.

Conforme o relatório, “Transplantes de órgãos e tecidos nos EUA em 2020: estimativas de custos, discussão e questões emergentes”, o país cobra US$ 1.664.800 pelo procedimento, ou seja, cerca de R$ 8,1 milhões - o que inclui todos os cuidados médicos necessários antes e depois do transplante, tais como medicamentos, despesas hospitalares e honorários dos profissionais.

Leia também:

A distribuição de órgãos é organizada por uma entidade sem fins lucrativos contratada pelo governo federal chamada UNOS. A entidade permite que pessoas de outros países realizem o procedimento, porém eles devem ser aceitos antes por um hospital de transplantes. No entanto, há um limite de pacientes internacionais, que varia entre 5% e 10%, conforme destaca o Dr. José Pedro da Silva em entrevista ao UOL.

Assim como no Brasil, os transplantes são realizados por ordem de gravidade do paciente com a intenção de reduzir o número de mortes na fila de espera.

Como está Faustão?

João Guilherme Silva, de 19 anos, agradeceu as mensagens de carinho enviadas para ele e sua família em vídeo postado nas redes sociais na quinta-feira passada. Na ocasião, ele aproveitou para atualizar o estado de saúde do pai, que está internado desde o dia 5 de agosto no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo.

“Quero agradecer a todos vocês por todas as mensagens que mandaram, pelas orações. Eu fiquei impressionado com a mobilização de todos vocês e isso dá muito orgulho pra gente”, começou o apresentador.

Em seguida, João explicou como está Faustão. “Queria dizer para vocês que ele está bem, estamos na luta, todo mundo com muita esperança e certeza que vai dar tudo certo. Vamos para a luta, galera!”, acrescentou.

Na legenda, João disse que as mensagens de amor e força estão enchendo a família de “fé nesse período complicado”. Ele completou: “Obrigado a todos pelo carinho. Logo vai estar tudo bem e o apoio de vocês renova minha confiança. Muito obrigado mesmo!”.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais