Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Imprensa argentina revela bate-boca entre Rodrygo e Messi; veja

Durante a discussão, Messi tentou tapar a boca para que não pudesse ser feita leitura labial, porém, veículos argentinos decifraram as falas dele

Rodrygo e Messi discutiram antes da partida

Rodrygo e Messi discutiram antes da partida

Reprodução/ Sportv

A partida entre Brasil e Argentina nesta terça-feira (21), no Maracanã, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, foi cheia de polêmicas. Além da briga generalizada nas arquibancadas, Lionel Messi e Rodrygo Goes também discutiram e tiveram o diálogo revelado nesta quarta-feira (22), pelos jornais La Nación e Diário Olé.

Nas imagens, divulgadas pelo portal TyC Sports, durante a discussão, Messi tentou tapar a boca para que não pudesse ser feita leitura labial, porém, veículos argentinos decifraram as falas do craque.

Rodrygo teria chamado os argentinos de “cagões” (covardes) por terem saído de campo durante a briga. Messi não gostou da afirmação do camisa 10 da Seleção Brasileira, e rebateu dizendo: “Se somos campeões mundiais, por que somos cagões? Cuidado com a boca”.

Rodrigo De Paul também estava no momento da discussão entre os dois camisas 10 das Seleções. No entanto, não havia nenhum brasileiro ao lado de Rodrygo no momento do bate-boca.

Brasil x Argentina

O Brasil perdeu da Argentina por 1 a 0 nesta terça-feira (21), no Maracanã, no Rio, pela sexta rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026. A equipe brasileira chega ao quarto jogo sem ganhar.

O gol foi marcado pelo zagueiro Otamendi, de cabeça. Com a derrota, o Brasil caiu para a sexta colocação na tabela, enquanto a Argentina se isolou ainda mais na liderança da competição. Essa é a pior sequência da equipe brasileira desde 2001, quando sofreu quatro derrotas seguidas.

Briga generalizada

Uma briga envolvendo torcedores do Brasil, da Argentina e a Polícia Militar do Rio de Janeiro impediu o início da partida entre as seleções nessa terça-feira (21), no Rio de Janeiro, pela sexta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. As cenas de violência ocorreram no Setor Sul da arquibancada do Maracanã, onde estava concentrada a maioria da torcida argentina. Muitas pessoas ficaram feridas.

Antes mesmo do início da partida, logo após a execução dos hinos nacionais, torcedores de Brasil e Argentina se envolveram em uma confusão generalizada, que atrasou o início do jogo por cerca de meia hora.

Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais