Ouvindo...

Times

Empresário morre durante salto de paraquedas após sofrer parada cardiorrespiratória

Humberto Siqueira Nogueira, de 49 anos, teria tido problemas na hora de pousar em um campo em Boituva, no interior de São Paulo; empresário tinha experiência

Um empresário de 49 anos morreu após um salto de paraquedas em Boituva, no interior de São Paulo, no fim da tarde de quarta-feira (11). Humberto Siqueira Nogueira, de 49 anos, deu entrada em um hospital da cidade com um quadro de parada cardiorrespiratória e não resistiu, morrendo pouco depois.

O empresário era de Goiás e era respeitado no ramo imobiliário. Nas horas vagas, praticava paraquedismo, ciclismo e outros esportes radicais, como mostra o perfil dele no Instagram. Segundo informações da imprensa local, Humberto teria tido problemas durante o pouso e sofrido vários traumas, além da parada cardiorrespiratória.

  • 📲 Já se inscreveu no canal da Itatiaia no Whatsapp? Clique aqui e receba as principais notícias do dia. 🤳🏼

  • ⚠️ Os grupos e comunidades da Itatiaia serão desativados em breve. Por isso, se inscreva no canal pra ficar sempre atualizado.⚠️

Humberto será sepultado na manhã desta sexta-feira (13), no cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia (GO). Ele deixa esposa e três filhos. O caso será investigado pela Polícia Civil.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais