Ouvindo...

Times

Quanto o Palmeiras quer arrecadar com venda de jogadores em 2024? Veja números

Em orçamento apresentado, gestão de Leila Pereira deseja receber quase R$ 300 milhões com saídas de atletas

Para a temporada de 2024, o Palmeiras projeta uma arrecadação de R$ 880 milhões - R$ 41 milhões a mais do que faturou no ano passado. Boa parte do que está previsto para entrar nos cofres vem da negociação de jogadores. O clube antevê ganhos de R$ 295,160 milhões com a venda dos direitos de atletas.

Os números estão contidos no orçamento do clube apresentado ao Conselho Deliberativo pela gestão da presidente Leila Pereira e representa um salto considerável em relação ao que foi visto na temporada passada.

Em 2023, o Palmeiras faturou R$ 187 milhões com negociações de atletas - R$ 108 milhões a menos do que se espera no ano corrente (veja lista abaixo).

Na atual temporada, o Palmeiras já tem valores a receber por conta da meta batida pelo atacante Endrick em número de gols. O time agora lucrará 2,5 milhões de euros, cerca de R$ 13,4 milhões. O montante pode ampliar até a ida do atleta em definitivo para o Real Madrid, em julho.

Negociação de jogadores do Palmeiras em 2023

  1. Danilo
    R$ 98.801.000 do Nottingham Forest, da Inglaterra
  2. Giovani
    R$ 47.053.000 do Al-Sadd, do Catar
  3. Endrick
    R$ 23.015.000 do Real Madrid (bonificação)
  4. Gabriel Silva
    R$ 5.555.000 do Santa Clara, de Portugal
  5. Kuscevic
    R$ 4.163.000 do Coritiba
  6. Vitor Hugo
    R$ 2.281.000 do Trabzonspor Kulübü, da Turquia
  7. Fernando
    R$ 1.559.000 do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia
  8. Merentiel
    R$ 1.191.000 do Boca Juniors
  9. Rafael Navarro
    R$ 984 mil da Major League Soccer L.L.C
  10. Rafael Elias (Papagaio)
    R$ 682 mil do Baniyas, dos Emirados Árabes Unidos
  11. Alan
    R$ 283 mil do Moreirense, de Portugal
  12. Iván Angulo
    R$ 22 mil da Major League Soccer L.L.C
  13. Ruan Ribeiro
    R$ 781 mil do Valmiera, da Letônia
  14. Vitinho
    R$ 283 mil do Vålerenga, da Noruega
  15. Mecanismo de Solidariedade
    R$ 367 mil
Brenno Costa é jornalista multimídia formado pela Universidade Católica de Pernambuco e pós-graduado em comunicação e marketing pela Estácio. Atualmente, é correspondente da Itatiaia em São Paulo. Antes, trabalhou na Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco/Superesportes e no Globo Esporte.
Leia mais