Ouvindo...

Times

Barcelona receberá indenização milionária por lesão de Gavi; entenda

Indenização é paga pela própria Fifa, por meio do Programa de Proteção de Clubes, para os times que perderam jogadores na Data Fifa

O Barcelona receberá uma indenização milionária pela lesão do meio-campista Pablo Gavi durante a partida entre Espanha e Geórgia, pelas Eliminatórias da Euro, neste domingo (19). Ele rompeu completamente o ligamento cruzado anterior do joelho direito e teve uma lesão associada ao menisco externo e passará por cirurgia.

A indenização é paga pela própria Fifa, por meio do Programa de Proteção de Clubes. O valor é dado aos times que tenham jogadores lesionados durante os jogos das respectivas Seleções.

A instituição pagará 20 mil euros (R$106,8 mil, na cotação atual) por cada dia que o meio-campista estiver fora. Para que o clube receba o valor, o jogador deve ficar fora por, no mínimo, 28 dias. A partir do 29º dia de lesão, a instituição pagará o valor proporcional ao salário do atleta, sob valor máximo de 7,5 milhões de euros (R$40 milhões, na cotação atual).

Se ficar fora por seis meses, o Barcelona pode receber mais de três milhões de euros (R$16 milhões), em sete, mais de quatro milhões de euros (R$21,3 milhões). Pela gravidade da lesão, Gavi deve ficar de 9 a 10 meses fora dos gramados.

Marcelo Bechler é correspondente da Itatiaia na Europa
Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais