Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Corinthians vira sobre o Vasco, respira aliviado, e afunda rival no Brasileiro

Cruz-Maltino esteve na frente em duas oportunidades, mas foi derrotado, em São Januário, por 4 a 2

Nesta terça-feira (28), o Corinthians venceu o Vasco por 4 a 2 e deu um importante passo na luta pela permanência na Série A do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Romero (duas vezes), Gabriel Moscardo e Giovane, enquanto os tentos vascaínos vieram de Puma Rodríguez e Vegetti.

A primeira etapa se iniciou com um Vasco contundente, que controlou a posse da bola e encurralou o Corinthians na defesa. Foi neste contexto, inclusive, que abriu o placar com Pumita Rodríguez, igualado em seguida com tento de Romero. Vegetti marcou no decorrer do jogo, mas o paraguaio marcou outro para o Timão.

No segundo tempo, em um contexto ainda mais tenso, o Corinthians finalmente conseguiu ficar à frente no placar. Gabriel Moscardo recebeu de Renato Augusto na entrada da área, trouxe para a perna direita e mandou um foguete para o gol de Léo Jardim.

O Vasco volta a campo no domingo (03), quando encara o Grêmio, fora de casa. O Timão também enfrenta uma equipe Gaúcha, o Internacional, no sábado (02), na Neo Química Arena, em São Paulo.

Blitz com gol do Vasco

Avassalador no início do jogo, o Vasco jogou o Corinthians contra as cordas nos primeiros minutos de jogo. O bombardeio rapidamente virou explosão em São Januário.

Lucas Piton escalou bem e cruzou para o outro lado da área. Lá estava Pumita. De cabeça ele mandou sem chances para Cássio.

Primeira chegada e gol

Encurralado, o Corinthians buscava espaço. E aproveitou na primeira bobeada. Em ótima joga de Giuliano, ele ganhou duas vezes de Medel e ajeitou para Romero empatar ainda na primeira etapa.

Desespero de Ramón Díaz, que reclamou muito. A falha defensiva esfriou o Vasco e animou o Corinthians.

Pintura argentina

O primeiro tempo em São Januário foi animado. E coube a Vegetti uma verdadeira pintura. Com um ‘sem-pulo’, o Pirata acertou o canto de Cássio e recolocou o Cruz-Maltino na frente. Lindo gol. O décimo do argentino pelo clube.

Romero fatal

Quem diria que Romero em menos de 45 minutos faria dois gols. A questão não é o camisa 11 marcar dois gols, afinal sua história no Corinthians é grande. Mas sim de cabeça. Em mais um lance de bike aérea falha, o pequeno paraguaio igualou o placar.

Promessa que decide

Se no primeiro tempo a partida foi movimentada com lances lá e cá, os primeiros 20 minutos da segunda etapa foram mais estudados. Com tranquilidade, o Corinthians aproveitou o momento ruim dos donos da casa para ficar na frente

O jovem Gabriel Moscardo foi quem colocou o Timão pela primeira vez na liderança do placar. Ele aproveitou passe de Renato Augusto para finalizar sem chances para Léo Jardim. Alivio corintiano.

Invencibilidade histórica do Timão

E o Corinthians segue com uma sequência avassaladora diante do Vasco. O Timão não sabe o que é perder para rival há 21 jogos. A última vez que isso aconteceu foi no Campeonato Brasileiro de 2010. Já são 13 anos e contando.

Segurança no placar

Apesar do Vasco tentar o empate, o Corinthians teve o controle do jogo após a virada. Para quem jogava em casa e precisava dos três pontos, os cariocas foram pouco efetivos.

A derrota complica, e muito, a vida do Cruz-Maltino. Já o Timão, deve ter dias mais tranquilos.

Vasco 2x4 Corinthians

Vasco

Léo Jardim; Puma Rodríguez (Paulo Henrique), Capasso (Zé Vitor), Medel e Lucas Piton; Zé Gabriel, Jair (Sebastián Ferreira), Paulinho (Rossi) e Payet; Gabriel Pec (Alex Teixeira) e Vegetti. Técnico: Ramón Díaz.

Corinthians

Cássio; Fagner, Lucas Veríssimo, Caetano e Fábio Santos; Gabriel Moscardo, Maycon (Cantillo), Giuliano (Wesley) e Renato Augusto (Bruno Méndez); Romero (Giovane) e Yuri Alberto (Matheus Araújo). Técnico: Mano Menezes.

Motivo: Jogo da 36ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: São Januário, Rio de Janeiro
Data e hora: 28 de novembro de 2023, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (Fifa/DF)
Assistentes: Leila Naiara Moreira Cruz (Fifa/DF) e Kléber Lúcio Gil (SC)
Árbitro de vídeo: Danilo Nobre Bins (Fifa/RS)

Gols: Puma Rodríguez (3 min 1ºT) e Vegetti (24 min 1ºT), para o Vasco; Romero (10 min 1ºT e 44 min 1ºT), Gabriel Moscardo (17 min 2ºT) e Giovane (49 min 2ºT), para o Corinthians

Cartões amarelos: Capasso e Lucas Piton, do Vasco; Yuri Alberto, do Corinthians

Cartões vermelhos:

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais