Ouvindo...

Times

Moraes cobra informações sobre suposta ameaça do PCC a Ronnie Lessa

Ex-PM do Rio de Janeiro, executor confesso do assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, foi transferido para o Presídio de Tremembé na última quinta (20)

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, cobrou explicações do governo de São Paulo, da Polícia Federal e da Procuradoria Geral da República, sobre a suposta ameaça a Ronnie Lessa após transferência para o presídio de Tremembé, em São Paulo.

Executor confesso do assassinato da vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, Ronnie Lessa foi transferido na última quinta-feira (20).

O ministro quer informações sobre a denúncia do Sifuspesp (Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo), que diz que o ex-policial militar estaria jurado de morte.

De acordo com a entidade, o PCC (Primeiro Comando da Capital), facção criminosa que domina os presídios paulistas, teria dado autorização para a morte de Ronnie Lessa.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

É jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Cearense criado na capital federal, tem passagens pelo Poder360, Metrópoles e O Globo. Em São Paulo, foi trainee de O Estado de S. Paulo, produtor do Jornal da Record, da TV Record, e repórter da Consultor Jurídico. Está na Itatiaia desde novembro de 2023.
Leia mais