Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Um dia depois de ser demitido, Jean Paul Prates anuncia avanço em projeto da Petrobras

Ex-presidente da Petrobras usou suas redes sociais para comemorar avanço de projeto que será implantado pela estatal

O ex-presidente da Petrobras Jean Paul Prates usou suas redes sociais nesta quinta-feira (16) para comemorar o avanço de um projeto da estatal em suas redes sociais.

Um dia após ser demitido, já que a oficialização da demissão aconteceu na manhã de quarta-feira (15), Jean Paul fez uma postagem citando a aprovação de projeto para a construção de uma planta da Petrobras.

“É com muita satisfação que informo a emissão da aprovação da passagem para fase II do projeto que implementa uma planta de BioQAV e Diesel Renovável no GASLUB. Esta aprovação foi realizada pelos Gerentes Executivos pertinentes ontem”, escreveu o ex-presidente da Petrobras.

Em sua postagem, ele usou o termo “PS” (postscriptum), como uma continuação de sua mensagem de despedida da estatal.

O anúncio da demissão de Jean Paul Prates foi divulgado na noite de terça-feira e confirmado oficialmente na manhã de quarta. A decisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aconteceu após divergências entre Prates e ministros mais próximos do Palácio do Planalto.

Veja mais: Petrobras cai 9% e perde R$ 35 bilhões em valor de mercado após demissão de Prates

Segundo ele, a nova planta terá investimentos de US$ 930 milhões. “Mais do que um novo projeto, este é o maior empreendimento em termos de capacidade de geração de combustíveis renováveis do Refino da Petrobrás, sendo fundamental para ajudar a Petrobras a trilhar o caminho da Transição Energética justa. Agradeço a todos que se dedicaram para que esta etapa fosse concluída em tempo recorde, com agilidade e qualidade”, continuou Jean Pal.

“Mais uma demonstração de que a Petrobrás esteve, nesses 15 meses, incessantemente focada e efetivamente operante nos investimentos e operações que realmente importam para o Brasil”, concluiu.

O governo federal convidou Magda Chambriard, ex-diretora da Agência Nacional do Petróleo (ANP), para comandar a estatal brasileira.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Editor de Política. Formado em Comunicação Social pela PUC Minas e em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Já escreveu para os jornais Estado de Minas, O Tempo e Folha de S. Paulo.
Leia mais