Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Crianças e adolescentes serão vacinados nas escolas ainda neste mês, anuncia ministra

Ação deverá ocorrer a partir da segunda quinzena de março, conforme anunciado pela ministra da Saúde, Nísia Trindade; mobilização inclui vacinas contra a dengue e covid

A ministra da Saúde, Nísia Trindade, anunciou neste sábado (02) o início da vacinação de crianças e adolescentes nas escolas públicas do país. A medida seria uma forma de ampliar a cobertura vacinal entre esse público e garantir a imunização contra doenças que têm causado preocupação na pasta, como a covid-19 e a dengue.

Leia também

“Estamos organizando uma ação, ‘Vacinação nas Escolas’, que é uma ação conjunta do Ministério da Saúde com o Ministério da Educação, e é um programa muito apoiado pelo nosso presidente Lula. A vacinação vai ocorrer, prevista, para a segunda quinzena de março. De todas as vacinas”, declarou a ministra que esteve no município de Serra, no Espírito Santo, onde participou das ações do ‘Dia D’ de combate ao mosquito aedes aegypt, responsável pela transmissão da doença.

Neste ano, o Brasil começou a vacinar crianças de 10 e 11 anos contra a dengue em 152 municípios do país onde a incidência do tipo 2 da doença seria mais presente. Por hora, a ministra destacou que o público-alvo seja ampliado em razão da limitação de doses disponíveis. Além disso, também voltou a destacar que a vacina ainda não é vista como uma solução para o atual momento de crise na saúde pública com o estouro de casos de dengue em 2024.

“Nós como sabemos, recebemos uma oferta pequena, compramos todo o estoque possível do laboratório produtor e estamos num trabalho para que laboratórios brasileiros, sob a liderança da Fundação Oswaldo Cruz, possam produzir a vacina no Brasil, mas isso não isso não é uma solução imediata”, diz a ministra, que completa. “Quem tomar a vacina de dengue só está protegido com a segunda dose que é aplicada depois de três meses, então para este momento, a nossa medida de combate é eliminar os focos do mosquito para impedir que vidas por dengue sejam perdidas”, disse.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Correspondente da Rádio Itatiaia em Brasília atuando na cobertura política dos Três Poderes. Mineiro formado pela PUC Minas Gerais, já teve passagens como repórter e apresentador pela Rádio BandNews FM, Jornal Metro e O Tempo. Vencedor do prêmio CDL de Jornalismo em 2021 e Amagis 2022 na categoria rádio.
Leia mais