Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

TSE deve definir regras sobre uso de IA nas campanhas eleitorais até março

Tribunal Eleitoral encerrou ciclo de debates sobre as novas regras das eleições de 2024 com mais de 900 propostas, incluindo restrições para o uso de inteligência artificial

53486714111_b7e093bf9e_k.jpg

Audiências para definir regras das eleições foram feitas ao longo dessa semana, no TSE

SECOM/TSE

A Ministra do Supremo Tribunal Federal e vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cármen Lúcia, vai definir até março quais serão as regras para o uso de inteligência artificial nas campanhas políticas das eleições deste ano. O assunto foi discutido ao longo desta semana, em uma série de audiências públicas onde foram apresentadas 945 sugestões de mudanças nas regras do pleito que será disputado em outubro.

Sobre o uso de inteligência artificial (IA) nas campanhas políticas, a proposta deve incluir a obrigatoriedade de um aviso sobre geração de textos e imagens com essa tecnologia. Além disso, a corte ainda deve estudar penalidades específicas para quem espalhar desinformação da internet geradas por ferramentas de IA.

O tema é uma das principais preocupações do TSE neste ano em que são disputadas as eleições municipais. Segundo a ministra Cármen Lúcia, o foco dessas audiências e da discussão prévia sobre as regras da disputa é evitar questionamentos futuros e garantir a lisura do pleito. “As eleições representam um passo da maior importância com o voto, fazendo do eleitor o que ele é efetivamente nos termos constitucionais e nas conquistas humanas democráticas: o titular verdadeiro do poder e quem escolhe seu representante que irá adotar as providências necessárias para realização de uma sociedade justa e em paz”, disse a vice-presidente do TSE. O prazo final para a votação das normas que regerão as Eleições Municipais de 2024 é 5 de março.

Leia Também

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Correspondente da Rádio Itatiaia em Brasília atuando na cobertura política dos Três Poderes. Mineiro formado pela PUC Minas Gerais, já teve passagens como repórter e apresentador pela Rádio BandNews FM, Jornal Metro e O Tempo. Vencedor do prêmio CDL de Jornalismo em 2021 e Amagis 2022 na categoria rádio.
Leia mais