Notícias

Seleção feminina empata sem gols com Canadá em último amistoso antes dos Jogos Olímpicos

Foi um teste importante para saber em que nível estão as comandadas de Pia Sundhage

Por Estadão Conteúdo, 14/06/2021 às 19:39
atualizado em: 14/06/2021 às 19:48

Texto:

Foto: Richard Callis/SPP/CBF
Richard Callis/SPP/CBF

Brasil empatou em 0 a 0 com o Canadá

A seleção brasileira feminina de futebol empatou sem gols com o Canadá nesta segunda-feira, na última partida antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio. O amistoso em Cartagena, na Espanha, foi equilibrado e teve momentos de domínio das duas equipes. Foi um teste importante para saber em que nível estão as comandadas de Pia Sundhage, que encontraram dificuldade para atacar o rival, muito seguro defensivamente.

"A preparação tem sido muito bem feita. A Pia tem extraído o melhor de nós. O gol não saiu, mas vamos firmes para conquistar o ouro na Olimpíada", falou a atacante Bia Zaneratto, do Palmeiras. Depois de 18 jogos preparatórios, 11 vitórias, cinco empates e duas derrotas, Pia Sundhage anuncia na próxima sexta-feira a lista com as convocadas.

O adversário desta segunda é um velho conhecido da técnica Pia Sundhage, de modo que foi o quarto encontro com as canadenses desde que a sueca assumiu a seleção brasileira. Agora, são duas vitórias e dois empates contra o rival da América do Norte.

Na Olimpíada de Tóquio, o Brasil, integrante do Grupo F, terá pela frente na primeira fase China, Holanda e Zâmbia. A estreia será em 21 de julho. O Canadá vai enfrentar Grã-Bretanha, Japão e Chile. As duas equipes podem se encontrar em uma eventual fase de quartas de final.

Com o objetivo de definir as 18 atletas e as quatro suplentes que irão ao Japão, Pia fez novos testes na equipe nesta segunda-feira. A novidade foi a escalação de Julia Bianchi que foi titular na vaga de Formiga, lesionada.

Depois de vencer a Rússia com facilidade na última sexta-feira, a seleção brasileira se deparou com um adversário muito mais forte, que se defendeu bem e levou perigo quando atacou. Apesar da ausência de gols, foi um duelo movimentado na Espanha.

Na etapa inicial, o Brasil dominou a primeira metade e levou perigo em chutes de fora da área com Bia Zaneratto e Andressinha O Canadá cresceu depois dos 30 minutos e explorou a velocidade pelas laterais e por meio do jogo aéreo.

Foi semelhante o panorama no segundo tempo, de modo que o equilíbrio visto na primeira etapa se manteve, com os dois times se alternando na busca pelo gol. Pelo Brasil, Tamires e Duda foram as que ficaram mais perto de balançar as redes, mas a primeira parou na goleira Sheridan e a segunda, no fim do jogo, chutou rente à trave.

As canadenses assustaram ao menos duas vezes, exigindo ótima defesa de Bárbara em finalização de Quinn na área e depois em cabeceio de Zadorsky que acertou a trave esquerda.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Brasil enfrenta as holandesas neste sábado, às 8h (horário de Brasília). #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ➡ Pedido de derrubada do decreto foi feito pelos vereadores da Frente Cristã da CMBH. #Itatiaia

    Acessar Link