Notícias

Sampaoli fecha passagem pelo Galo sem comandar o time com torcida no estádio

Argentino lamentou não ter tido a experiência: 'Sei que nos emocionamos muito'

Por Redação, 23/02/2021 às 06:00
atualizado em: 23/02/2021 às 10:11

Texto:

Foto: Pedro Souza /Atlético
Pedro Souza /Atlético

Sampaoli comanda Atlético em partida pelo Campeonato Brasileiro

A pandemia de covid-19 provocou impactos em diversos aspectos. Entre eles a desautorização da presença do público em estádios, determinação que passou a valer em março de 2020, mês que Jorge Sampaoli chegou ao Atlético. Com o encerramento da passagem por Minas Gerais, anunciado nessa segunda-feira (22), o treinador encerra o ciclo sem ter comandado o Galo com a torcida alvinegra nas arquibancadas.

Sampaoli assumiu o Galo no duelo contra o Villa Nova, pelo Campeonato Mineiro de 2020. O jogo, disputado em 14 de março, foi o primeiro sem a presença de públicos. De lá para cá, foram 44 partidas, com 25 vitórias, 9 empates e 10 derrotas. 

Apesar de não ter comandado o Galo com a massa nas arquibancadas, Sampaoli já viu de perto a torcida no Mineirão. O argentino estava no clássico contra o Cruzeiro, em 7 de março de 2020. O Galo já havia anunciado o argentino como sucessor de Rafael Dudamel à época da partida, mas quem comandou o time na vitória por 2 a 1 foi interino James Freitas. 

No comunicado de despedida, Sampaoli lamentou não ter convidado de perto com a torcida do Galo. "Saio com a nostalgia de não poder ter dirigido com o estádio cheio. Sei que nos emocionamos muito. Queria viver os vídeos que tinha visto de uma torcida apoiando sem parar", disse.

"O Galo está destinado a brigar por grandes coisas. Sei que as vitórias virão. Gosto muito de vocês e desejo que sigam caminhando com o coração como guia", completou.

Saída de Sampaoli

Com provável destino ao Olympique de Marseille, da França, Sampaoli deixa o Galo na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, com 65 pontos, classificado à fase de grupos da Copa Libertadores de 2021. O Atlético chegou a disputar o título do Brasileirão em alguns momentos, mas foi instável. O argentino conquistou o Campeonato Mineiro de 2020. 

A diretoria avalia possíveis substitutos. Renato Portaluppi, técnico longevo do Grêmio, é nome forte. O clube alvinegro enxerga nele qualidades presentes em Sampaoli, além de ser um treinador acostumado ao futebol brasileiro. Informações de veículos de imprensa do Rio Grande do Sul apontam para indefinição sobre a permanência dele no tricolor gaúcho, que já teria, inclusive, pré-acordo com Tiago Nunes para substituí-lo

Uma saída para acerto com o Galo, no entanto, só aconteceria após o término da Copa do Brasil. Renato comanda o Grêmio na final da competição contra o Palmeiras. O jogo de ida será no dia 28 de fevereiro. A partida decisiva é uma semana depois.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Durante encontro, líderes abordaram "os grandes desafios que a humanidade enfrenta neste momento e o papel da fé". #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Jogo será feito às 20h no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. #Itatiaia

    Acessar Link