Notícias

Reformulação interna em meio à crise: Atlético desliga mais de 50 funcionários

Por Redação, 22/05/2020 às 11:21
atualizado em: 22/05/2020 às 14:11

Texto:

Foto: Bruno Cantini/ Atlético
Bruno Cantini/ Atlético
00:00 00:00

O Atlético vai demitir mais de 50 funcionários de vários departamentos devido à crise econômica. Com a medida, o clube pretende economizar, até dezembro, R$ 10 milhões. O corte de 25% nos salários dos jogadores permanece, pelo menos até o retorno dos jogos. As informações são do repórter Thiago Reis, da Itatiaia. Ouça no player abaixo da foto.

São funcionários de todas as alçadas, inclusive de cargos diretivos. Estão na lista funcionários da sede administrativa, no bairro de Lourdes, e da Cidade do Galo, em Vespasiano. Apenas nas categorias de base do clube são 15 demissões.

Caso o Atlético volte a ter verba, o clube estaria disposto a readmitir os funcionários.

Em crise financeira, o clube vive dificuldades para arcar com a folha de pagamento. Os funcionários que permanecerão não vão receber de forma integral, conforme apurado pela reportagem.

Nessa quinta-feira (21), o preparador físico Luís Otávio Kalil, conhecido como Kalilzinho, que estava no Atlético desde 2004, foi desligado do clube. Por meio das redes sociais, o atacante alvinegro Diego Tardelli lamentou. Outros jogadores que atuaram pelo Atlético como Bernard, Marcos Rocha, Leandro Donizete, Richarlyson e Rafael Carioca também lamentaram.
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Ronaldinho Gaúcho e Assis são acusados de usarem passaportes falsos para entrar no Paraguai. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Em entrevista exclusiva à Itatiaia, o ex-secretário falou sobre o enfrentamento à pandemia no Brasil. #Itatiaia

    Acessar Link