Notícias

Parceria entre pesquisadores da USP e da UFMG estuda remédios que possam combater covid-19

Alguns remédios que estão na moda e caíram no gosto popular, sem comprovação científica, foram descartados

Por Clever Ribeiro, 21/07/2020 às 20:56
atualizado em: 21/07/2020 às 21:12

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Pixabay
Pixabay

RESUMO

  • Parceria entre pesquisadores da USP e da UFMG estuda remédios que possam combater covid-19
  • Alguns remédios que estão na moda e caíram no gosto popular, sem comprovação científica, foram descartados
  • Esse é o caso da Ivermectina e nitazoxanida, que matam o vírus, mas também as células


Um estudo de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), com a participação de estudiosos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), descobriu quatro substâncias presentes em medicamentos que apresentaram bons resultados no combate ao novo coronavírus. Ao todo, foram testados 65% possíveis remédios. 

Alguns que estão na moda e caíram no gosto popular, sem comprovação científica, foram descartados. Esse é o caso da Ivermectina e nitazoxanida, que matam o vírus, mas também as células. Ou seja, são tóxicos para o corpo. 

Quem explica os detalhes sobre a pesquisa é a professora do Instituto de Ciências Biológicas da UFMG Ludmila Ferreira. “Desse estudo, eles constataram que quatro drogas tiveram uma atividade importante contra o vírus. Duas delas, tiveram uma atividade um pouco mais seletiva. Ou seja, conseguiram eliminar o vírus das culturas de células e mataram os vírus em 24 horas. Outras duas tiveram uma atividade mais moderada e conseguiram eliminar parte do vírus. As primeiras duas, que foram mais efetivas são duas drogas, que são utilizadas tratamento de câncer. São drogas que ainda precisam ser avaliadas em testes clínicos e pré-clínicos, mas já é um caminho”, explicou.

Confira a entrevista na íntegra no início da matéria. 
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Edição resumida está disponível para auxiliar na introdução alimentar. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Confira a coluna de Edilene Lopes! #Itatiaia

    Acessar Link