Notícias

MP pede suspensão de atividades de empresa dona de barragem em Pará de Minas

Companhia de Tecidos Santanense deve deixar de gerar energia no local enquanto não garantir a estabilidade da barragem, que está em nível 3 de emergência

Por Redação, 14/01/2022 às 17:21
atualizado em: 14/01/2022 às 17:30

Texto:

Foto: Divulgação
Divulgação

Barragem Carioca corre risco de rompimento em Pará de Minas

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e o Governo de Minas pediram, nesta sexta-feira (14), a suspensão das atividades da Companhia Tecidos Santanense. A empresa é proprierária da Usina Carioca, cuja barragem instalada no rio Pará corre risco de rompimento e ameaça moradores de comunidades de Pará de Minas e Conceição do Pará, na região Central do Estado. 

A ação pede que a empresa suspenda a exploração de recursos hídricos e de geração de energia elétrica no local até que adote medidas necessárias para assegurar a estabilidade e segurança da barragem de Carioca. 

De acordo com o MPMG foram verificadas deficiências "durante a execução do Plano de Ação de Emergência (PAE) da barragem". 

No último domingo (9), a Defesa Civil estadual e a Prefeitura de Pará de Minas alertaram moradores sobre a possibilidade de rompimento da barragem., que teve a situação de emergência elevada para o nível 3 nesta semana. 

De acordo com a ação assinada pelo MPMG, "a empresa não assumiu o protagonismo pela execução do PAE, de sua responsabilidade, omitindo-se, principalmente, quanto à apresentação de levantamento cadastral completo e mapeamento atualizado da população existente na Zona de Autossalvamento (ZAS) da barragem e no que diz respeito ao integral amparo aos animais atingidos".


 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Atenção! Veja qual é o calendário da semana para a vacinação em Belo Horizonte

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Além de inafiançável e imprescritível, a pena para quem comete crime de racismo é de três a cinco anos de detenção

    Acessar Link