Ouça a rádio

Compartilhe

Milionário da Mega-Sena, em Urucânia, ainda é mistério e o assunto mais comentado na cidade

Com apenas 10 mil habitantes, os moradores do município ainda não descobriram quem é o famoso dono do bilhete premiado

Reprodujção/Facebook
Foto: Reprodujção/Facebook

O vencedor de Urucânia ainda não retirou o dinheiro, segundo a Caixa

Praticamente todo mundo se conhece em Urucânia, cidade com apenas 10 mil habitantes da Zona da Mata, mas existe um misterioso morador que ainda não foi descoberto: o vencedor da Mega-Sena. Esse, inclusive, é o assunto mais comentado no município. Todo mundo quer saber quem é o novo milionário da loteria.

Algum sortudo da pequena cidade, que fica a 220 quilômetros de Belo Horizonte, ganhou sozinho R$ 5.259.397,57. Além disso, outra aposta feita pela internet, recebeu o mesmo valor. Obviamente, só se fala disso no município.

“Foi assim uma confusão e todo mundo curioso né? Muito curioso querendo saber realmente quem era a pessoa, quem era o novo milionário no momento, ainda é um mistério”, confessa Kelly Lolli, dona de um mercado no distrito de Cardosos.

E tem gente que, em tempos de aposentadoria, gasta o tempo sonhando com quem seria o vencedor e dono desta grana toda. Como é o caso de Fernando Ventura, de 63 anos, que destacou que o assunto causou um “grande alvoroço” no município.   

“Em qualquer lugar que a gente compareça o assunto é só um. Quem é o sortudo dos R$ 5 milhões da Mega-Sena. Até o momento, não sabemos ainda quem é o ganhador, mas tá falando muito que é uma aposta feita por um rapaz de Bom Jesus de Cardosos”, especulou.

Como ninguém apareceu, nomes começaram a ser levantados pela população, sendo o mais cotado o motorista aposentado Paulo Roberto de Souza, de 59 anos, mais conhecido como “Merrim”. Isso porque ele tem fama de ser um apostador frequente. A filha dele, Ananda, de 20 anos, fez questão de desmentir os boatos. “Eles estão falando que meu pai ganhou, né? Mas não foi o ganhador não. A notícia é falsa. Ele fez três números só no jogo, ele não foi o ganhador, não”.

A fama de “Merrim”, além de percorrer o município, também chegou a cidades vizinhas. A jovem confessa que recebeu dezenas de áudios de pessoas querendo saber se o seu pai era o misterioso milionário da Mega-Sena. “Ô Nandinha, a notícia já chegou aqui em Rio Casca. A foto do seu pai está rolando, então assim, se ‘vocês tiver’ ganhado é melhor ‘cês’ fugir”, diz uma das mensagens.

Não sendo Merrim o vencedor, o mistério prevalece, assim como as especulações. Afinal, quem está com o bilhete premiado?

Maria Carrara, de 84 anos, confessa que não foi a vencedora e apesar da idade também não sabe quem é o milionário que permanece calado no município. Maria Lolli, de 74 anos, outra moradora da cidade, também garante que não é a ganhadora. “Eu não tô sabendo quem ganhou”, admitiu.

O dono do bilhete premiado pode estar mais perto do que se imagina. A Caixa Econômica Federal informou que ele ainda não retirou o dinheiro e tem 60 dias para reivindicá-lo em qualquer agência do banco.