Notícias

Homens se passam por atiradores e encomendam fuzis em estande em BH

Bandidos usaram documentos falsos. Polícia apreendeu dois fuzis T4 fuzil .556 utilizados por forças policiais

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Por Com informações de Renato Rios Neto | 12/05/2022 às 08:46
Renato Rios Neto/Itatiaia
Foto: Renato Rios Neto/Itatiaia

A polícia acredita que esse estande de tiros não estaria envolvido no crime

A Polícia Militar (PM) apreendeu dois fuzis, na noite dessa quarta-feira (11/5), no Bairro Letícia, na Região de Venda Nova, em um estande de tiros.

Bandidos usaram documentos falsos para comprar os fuzis. Eles teriam se apresentado como atiradores de clubes de tiros e pediram que as armas fossem entregues no estande.

 Policiais do Batalhão de Rondas Táticas Metropolitanas  (ROTAM) receberam denúncias anônimas e conseguiram prender quatro homens. 

“Recebemos informações que indivíduos, de forma ilegal, iriam adquirir armamentos utilizando documentos falsos. Eles seriam da Região do Morro Alto”, disse o cabo Castorino do batalhão ROTAM. 

Os suspeitos têm passagem pela polícia e os militares acreditam que as armas seriam vendidas para traficantes.

“Trata-se de dois fuzis T4 fuzil .556 utilizados por forças policiais e forças armadas. A princípio, essas armas seriam utilizadas em facções criminosas em BH, Região metropolitana e até para abastecer quadrilhas do novo cangaço”, explicou. 

A polícia acredita que esse estande de tiros não estaria envolvido no crime. 
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou