Notícias

Grande BH sofre com falta de água, mas Copasa nega racionamento

"A população do Vale das Acácias já não tem água mais para beber", desabafa moradora de bairro em Ribeirão das Neves

Por Com informações de Camila Campos, 14/09/2021 às 20:42
atualizado em: 14/09/2021 às 21:02

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Agência Brasil/EBC
Agência Brasil/EBC

Copasa nega qualquer tipo de racionamento na região metropolitana de BH

Problemas ligados ao abastecimento de água, especialmente em meio à elevação de temperaturas e baixos índices de umidade do ar, têm imposto condições sub-humanas a moradores da região metropolitana de Belo Horizonte, como ocorre com Claudinéia, residente no bairro Vale das Acácias, em Ribeirão das Neves. Ela narra com detalhes o drama da falta de água que, na área, tornou-se problema histórico.  

"A gente está passando por um problema muito sério aqui com a Copasa, pois estamos sem água há seis dias. A população do Vale das Acácias já não tem água mais para beber. Minha mãe tem 76 anos e está com o pé machucado. Preciso lavar o pé dela quatro, cinco vezes ao dia, e nós já estamos sem condições de fazer isso", relata. 

Em relação a esse caso específico, o superintendente de Negócios da Região Metropolitana da Copasa, Sérgio Neves, garante que obras para essa região já estão sendo providenciadas. "Para aumentar a oferta de água para essa região serão iniciadas na próxima semana obras para implantação de um novo sistema de bombeamento". 

Outro exemplo que escancara o sofrimento da população em relação à falta de água é a realidade de Josué, morador do bairro Recanto do Sabiá, no município de Jaboticatubas. Segundo ele, ninguém mais quer ou consegue viver na região.

"Muitos moradores já estão indo embora. Muitos moradores estão perdendo criações, estão perdendo plantações. Muitos moradores já não têm como comprar água. Aqui, onde não chega água, somos obrigados a comprar. Muita vezes, a água que vem de caminhão é água de rio e chega cheia de lodo", desabafa. O representante da Copasa informou que negociações são feitas para solucionar o problema no bairro de Jaboticatubas. 

"No caso do Recanto Sabiá a operação ainda não é realizada pela Copasa. Está em andamento um convênio entre o município e a Copasa para que nós possamos iniciar as obras de infraestrutura. A Copasa perfurou novos poços ali, porém, um deles não deu vazão suficiente, então não será aproveitado", disse Sérgio Neves, que nega qualquer tipo de racionamento por parte da companhia e afirma que o grande desafio é atender ao aumento de consumo de água. 

"Na região metropolitana não houve redução da produção de água e, sim, um aumento no volume produzido nos últimos dias, que é da ordem de 10%". Neves reforça, aliás, a necessidade de uso consciente da água. 

"Considerando a elevação de temperatura e o consequente aumento do consumo de água tratada, é muito importante que se faça o uso o racional da água nesse momento. E para aqueles que estão em situação irregular, é necessário que se conscientizem sobre os desperdícios", recomendou.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link