Ouça a rádio

Compartilhe

Governador Valadares decreta estado de calamidade pública por causa da pandemia

Prefeitura decretou estado de emergência no início da semana pela enchente que atingiu a cidade

Divulgação/Prefeitura de Governador Valadares
Foto: Divulgação/Prefeitura de Governador Valadares

Novo decreto deve durar até 30 de junho deste ano

 A Prefeitura de Governador Valadares decretou nesta quarta-feira (12) estado de calamidade pública considerando os impactos socioeconômicos e financeiros causados pela pandemia de Covid-19 e pela síndrome gripal respiratória aguda grave. O decreto deve durar até 30 de junho deste ano.

Segundo a prefeitura, Valadares apresentou um aumento expressivo de casos epidemiológicos, que provocaram o afastamento de profissionais de saúde do município. Na segunda-feira (10), foi decretada situação de emergência na cidade, devido às fortes chuvas que atingem o estado.  

O primeiro decreto se deu pela enchente que atinge a cidade, com o nível do Rio Doce superando 4,3m na régua do Saade. O volume marcou a terceira maior enchente da cidade em 43 anos. 

Segundo a Defesa Civil de Governador Valadares, nesta quarta-feira, a cidade tinha 342 desabrigados e cerca de 16 mil desalojados. O nível do rio começou a baixar hoje e, até o fechamento desta reportagem, estava em 4,8m na régua do Saade.

Com informações de Sávio Scarabelli.